Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bispos católicos rejeitam plano de Obama

Os bispos católicos dos Estados Unidos manifestaram oposição ao plano do presidente Barack Obama de exigir aos planos de saúde que forneçam anticoncepcionais de forma gratuita, apesar de declarações anteriores de que poderia aceitar um acordo sobre o tema.

“A única solução definitiva a este problema de liberdade religiosa é que o HHS (Departamento de Saúde e Serviços Humanos) rescinda o mandato destes serviços objetáveis”, afirma um comunicado da Conferência de Bispos Católicos dos Estados Unidos.

A decisão do governo de garantir às mulheres o acesso aos anticoncepcionais gera “um grave problema moral”, completa o texto.

Obama anunciou que as empresas de planos de saúde deverão fornecer aos segurados um acesso gratuito aos métodos anticonceptivos.

“Os empregadores não terão que pagar por ou oferecer serviços de controle de natalidade. Mas as mulheres que trabalham nessas instituições terão acesso a contraceptivos gratuitamente assim como outras mulheres,” afirmou o presidente.

“A liberdade religiosa será mantida, e uma lei que exige cuidados preventivos gratuitos não irá discriminar as mulheres”.