Clique e assine a partir de 9,90/mês

Bebê que nasceu em avião ganha 1 milhão de milhas aéreas

A mãe de Haven deu à luz prematuramente no domingo, a 36 mil pés de altitude

Por Da redação - 18 ago 2016, 15h09

Um bebê que nasceu em um avião da companhia aérea filipina Cebu Pacific recebeu de presente da empresa 1 milhão de milhas aéreas. A mãe de Haven, que completou 4 dias nessa quinta-feira, deu à luz no voo que ia de Dubai para Manila no domingo, quatro horas após a decolagem do avião.

O nascimento da bebê estava previsto somente para a segunda quinzena de setembro, mas a mãe entrou em trabalho de parto antes do previsto. O parto foi realizado pelos comissários de bordo com a ajuda de duas passageiras que eram enfermeiras. Segundo Mark Martin, chefe da tribulação, duas comissárias também tinham treinamento de enfermagem.

LEIA TAMBÉM:
Vídeo: bêbado brigão é atacado e amarrado durante voo
Passageiro bêbado provoca alerta de sequestro em voo

“À bebê Haven. Você é um milagre de Deus a 36 mil pés de altitude e nós somos abençoados por termos servido de instrumento para o seu nascimento seguro. Você será sempre minha passageira mais memorável”, afirmou o chefe da tribulação, após o pouso do avião.

Para garantir que o bebê prematuro e a mãe recebessem atendimento médico apropriado, o avião foi desviado para Hyderabad, na Índia. Por causa do imprevisto, o voo durou 18 horas, o dobro do previsto, mas não houve nenhuma reclamação por parte dos outros passageiros.

Lance Gokongwei, chefe executivo da Cebu Pacific, afirmou que para celebrar o nascimento da bebê, ela receberia 1 milhão de milhas para voar pela companhia aérea filipina quando quisesse. Os pontos podem ser usados pela família da menina também e nunca se expiram. Haven foi a primeira criança a nascer em um avião da companhia.

Continua após a publicidade
Publicidade