Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aviões teleguiados dos EUA matam 9 insurgentes no Paquistão

Nove rebeldes morreram nesta segunda-feira em dois ataques de aviões teleguiados americanos em uma região tribal do noroeste do Paquistão, perto da fronteira com o Afeganistão, informaram autoridades paquistanesas de segurança.

Uma das aeronaves tomou como alvo um veículo no distrito de Datta Jel, a 30 km a oeste de Miranshah, capital do Waziristão do Norte, e matou seus quatro ocupantes, segundo uma das autoridades.

“O avião disparou dois mísseis contra o veículo que se incendiou”, declarou.

Nas primeiras horas de segunda-feira, outro ataque de um avião americano teleguiado matou cinco rebeldes em uma residência de Hasojel, a 25 km a leste de Miranshah, segundo as mesmas fontes.

“Os aviões americanos dispararam quatro mísseis contra um complexo rebelde e um veículo e mataram cinco rebeldes”, informou outra autoridade de segurança.

O complexo foi atacado novamente por aviões teleguiados cerca de 20 minutos mais tarde, e foram disparados outros quatro mísseis, segundo a autoridade.

Outra autoridade de segurança confirmou os ataques e o balanço, completando que a identidade dos militantes mortos não é conhecida, mas que a região é “conhecida por abrigar uzbeques, árabes e outros rebeldes estrangeiros”.

A região do Waziristão do Norte, que Islamabad parece não controlar, é um conhecido reduto de talibãs afegãos e paquistaneses, assim como de grupos aliados à Al-Qaeda.

Desde quinta-feira, os Estados Unidos realizaram quatro ataques com aviões teleguiados nessa região.

Segundo um balanço elaborado pela AFP, em 2009 foram contabilizados 45 disparos de mísseis americanos nas regiões tribais do Paquistão, em 2010 foram 101 e em 2011, 64.

De acordo com o centro americano New America Foundation, os disparos de aviões teleguiados mataram em oito anos no Paquistão de 1.715 a 2.680 pessoas.