Clique e assine a partir de 8,90/mês

Autoridade Palestina convoca embaixadores em quatro países da UE

Os embaixadores teriam enviado representantes para uma cerimônia em Israel um dia antes da inauguração da embaixada americana em Jerusalém

Por Da Redação - Atualizado em 16 Maio 2018, 16h14 - Publicado em 16 Maio 2018, 12h50

A Autoridade Nacional Palestina (ANP) convocou nesta quarta-feira para consultas em Ramallah seus embaixadores em quatro países da União Europeia (UE) que enviaram representantes a uma cerimônia prévia à inauguração da embaixada dos Estados Unidos em Jerusalém.

Os quatro países são Áustria, Hungria, República Checa e Romênia, informou o ministério palestino das Relações Exteriores. Representantes desses países participaram de uma reunião com a delegação americana no Ministério das Relações Exteriores de Israel no domingo, véspera da inauguração da embaixada americana em Jerusalém.

A decisão do presidente americano Donald Trump de reconhecer Jerusalém como capital de israelense transferir para a cidade a embaixada dos Estados Unidos, que antes ficava em Tel-Aviv, provocou a revolta na Faixa de Gaza.

Os palestinos já se mobilizavam contra os festejos dos setenta anos de independência de Israel, denominada Nakba (catástrofe, em árabe). As manifestações na fronteira de Gaza com Israel foram reprimidas pelas tropas israelenses, que causaram sessenta mortes e ferimentos em 2.700 pessoas.

Para os palestinos, a decisão de Trump representa a negação de suas reivindicações sobre Jerusalém Oriental, que desejam transformar na capital de seu Estado. A Autoridade Palestina  suspendeu os contatos com as autoridades americanas desde que Trump anunciou, em 6 de dezembro, a decisão de reconhecer Jerusalém como capital de Israel.

(Com AFP)

Continua após a publicidade
Publicidade