Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Autor de ataque que matou seis pessoas se declara culpado

O responsável pelo massacre em Tucson, Jared Loughner, não deverá ser condenado a pena de morte com a declaração. Ele deve pegar prisão perpétua

O responsável pelo massacre de Tucson, estado do Arizona, Jared Loughner, declarou-se culpado nesta terça-feira pelo assassinato de seis pessoas em janeiro de 2011. Em troca da confissão de culpa, Loughner, de 23 anos, vai escapar da pena de morte e deverá ser condenado à prisão perpétua, sem possibilidade de libertação antecipada ou recurso, informou a promotoria durante a audiência em Tucson.

A advogada de Loughner, Judy Clarke, indicou que seu cliente tinha concordado em se declarar culpado “consciente e por sua própria vontade”. Alguns minutos antes, o juiz federal Larry A. Burns declarou Jared Loughner capaz de compreender as acusações contra ele e apto para ser julgado.

Jared Loughner abriu fogo em 8 de janeiro de 2011 na área de um supermercado onde a congressista democrata Gabrielle Giffords realizava um ato político. Giffords ficou gravemente ferida na cabeça. Depois de um longo período de recuperação, anunciou a sua renúncia ao Congresso no final de janeiro. Outras seis pessoas morreram, entre elas o juiz John McCarthy Roll e uma criança de apenas nove anos.

(Com agência France-Presse)