Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Áudio em cabine da EgyptAir indica tentativa de apagar fogo antes de queda

O Airbus A320 caiu no Mediterrâneo em 19 de maio. Todas as 66 pessoas a bordo morreram

O áudio do gravador de voz na cabine de piloto do voo MS804 da EgyptAir indica uma tentativa de apagar um incêndio a bordo antes da queda no Mediterrâneo, disseram fontes do comitê de investigação nesta terça-feira. O Airbus A320 caiu no Mediterrâneo quando fazia a rota de Paris para o Cairo em 19 de maio. Todas as 66 pessoas a bordo morreram. A causa do acidente ainda é desconhecida.

Análise anterior do gravador de dados do voo revelou que havia fumaça no lavatório e em alguns equipamentos, enquanto destroços recuperados da parte dianteira do jato mostraram sinais de danos provocados por alta temperatura e fuligem.

Leia mais:

Caixa-preta de avião da EgyptAir que caiu no Mediterrâneo indica fogo a bordo

França abre investigação de homicídio culposo sobre acidente do avião da EgyptAir

Segunda caixa preta do avião da EgyptAir é encontrada

O gravador de voz, levado ao Cairo nesta semana depois de ter sido reparado em laboratórios pertencentes à agência de acidente aéreo da França BEA, indica ainda que um incêndio tomou conta do avião em seus momentos finais, disseram as fontes. As gravações de voz geralmente capturam conversas dos pilotos, todos os alarmes no cockpit e outros sons, como ruído do motor.

Os investigadores vão realizar uma análise mais aprofundada sobre as vozes contidas nas gravações e ainda não descartaram nenhuma hipótese sobre o que causou o acidente, segundo as fontes.

(Com Reuters)