Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Atirador que matou 2 no Texas resistia a despejo, diz polícia

Homem foi identificado pela Prefeitura de College Station como Thomas Caffall

O homem que abriu fogo contra policiais na segunda-feira, perto da Universidade Texas A&M, na cidade de College Station, foi identificado pela Prefeitura de College Station como Thomas Caffall, um homem de 35 anos cujo perfil no Facebook indica que era divorciado e possuía vários rifles. Ele estava dentro de uma casa perto do campus quando começou a atirar, por resistir a uma ordem de despejo. O tiroteio durou cerca de 30 minutos. Ele foi baleado, preso e acabou morrendo em decorrência dos ferimentos. Outras duas pessoas morreram – um policial e um civil – e quatro ficaram feridas.

Thomas Caffall, 35 anos, é suspeito de ter aberto fogo no Texas Thomas Caffall, 35 anos, é suspeito de ter aberto fogo no Texas

Thomas Caffall, 35 anos, é suspeito de ter aberto fogo no Texas (/)

O policial morto foi identificado pela Prefeitura como Brian Bachmann, de 41 anos, que trocou tiros com Caffall durante quase meia hora. A outra vítima fatal é Chris Northcliff, um civil de 43 anos. O sargento Jason James, porta-voz do Departamento de Polícia de Bryan, informou que três policiais ficaram feridos durante o confronto, mas nenhum deles corre o risco de morrer. Já uma mulher de 55 anos, cujo estado de saúde é desconhecido, foi operada no College Station Medical Center.

O centro universitário emitiu um “alerta” por volta das 12h30 locais (14h30 em Brasília) através de seu site, no qual informava sobre disparos nas imediações do campus. A direção da universidade pediu aos alunos e funcionários que não saíssem dos edifícios e evitassem a região próxima aos limites do campus, já que o tiroteio aconteceu a um quarteirão de distância do centro universitário.

(Com agência EFE)