Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Atentados a bomba deixam mais de dez mortos no Afeganistão

Por Jangir - 3 jan 2012, 13h27

Atentados a bomba atingiram nesta terça-feira a cidade afegã de Kandahar, deixando mais de dez mortos e diversos feridos, segundo a polícia local.

Um dos atentados, perpetrado por um camicase, matou sete pessoas, entre elas três policiais, e feriu outras 12, segundo um balanço fornecido pela polícia.

O camicase, que viajava em uma espécie de triciclo, explodiu o artefato no centro da cidade, explicou à AFP o chefe da polícia da província de Kandahar, o general Abdul Razziq.

As vítimas são três policiais e quatro civis, disse.

Publicidade

O balanço anterior, fornecido por um médico, era de um morto e 12 feridos.

Um primeiro atentado suicida cometido no início da tarde na mesma cidade deixou um saldo de pelo menos cinco mortos, quatro crianças e um policial, e 16 feridos, três deles policiais.

O camicase, que circulava em uma motocicleta por um mercado muito cheio, explodiu quando chegou a um posto de controle policial, informaram fontes das forças policiais.

Os talibãs reivindicaram este primeiro atentado.

Publicidade

Kandahar, principal cidade do sul afegão, foi a capital do regime dos talibãs (1996-2001), expulsos do poder no fim de 2001 por uma coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos.

Desde então, os talibãs combatem a presença de tropas estrangeiras no país. Os atentados suicidas e as bombas artesanais são suas armas prediletas.

Publicidade