Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Atentado a bomba mata 21 pessoas na capital do Paquistão

Explosão atingiu mercado popular em Islamabad e deixou mais de 80 feridos

Por Da Redação 9 abr 2014, 06h06

(Atualizado às 6h40)

Pelo menos 21 pessoas morreram e mais de oitenta ficaram feridas após a explosão de uma bomba em um mercado nos arredores de Islamabad, capital do Paquistão, nesta quarta-feira. Segundo a polícia paquistanesa, várias pessoas estavam no local no momento do atentado, por volta das 8h locais (0h de Brasília).

Alvo da explosão, o mercado de Sabzi Mandi abastece os comércios da capital com frutas e verduras e recebe cerca de 3 mil pessoas todas as manhãs. O chefe de polícia de Islamabad, Khalid Khattak, descartou que se trate de um atentado suicida e detalhou que a bomba estava alojada em uma caixa de frutas que estava sendo descarregada de um caminhão quando explodiu. Por enquanto, nenhum grupo reivindicou a autoria do atentado.

Negociação – Este é o segundo ataque terrorista em pouco mais de um mês na capital paquistanesa, depois do ataque suicida contra um tribunal no dia 3 de março quando morreram 11 pessoas. Aquele atentado foi reivindicado por um pequeno grupo insurgente denominado Ahrarul Hind, que disse ser contrário ao atual processo de diálogo entre o governo e o principal grupo talibã do país, o TTP. O TTP negou a participação nos incidentes violentos ocorridos desde o início do cessar-fogo que foi decretado no princípio de março e que na semana passada foi prorrogado até 10 de abril, quando a cúpula talibã decidirá que rumo vai seguir.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade

Publicidade