Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ataque aéreo dos EUA mata alto comandante da Al Qaeda no Afeganistão

Um ataque aéreo dos Estados Unidos no Afeganistão matou um comandante operacional de alto escalão da Al Qaeda, informou o Exército dos Estados Unidos nesta sexta-feira. Os militares americanos identificaram o alvo do ataque como Abu Khalil Sudani, e disseram que ele foi morto em um ataque em 11 de julho no distrito de Bermal, na província afegã de Paktika.

Em comunicado, o Exército disse que ele era o chefe das “operações suicidas e com explosivos” da Al Qaeda e estava envolvido com planos de ataque a alvos americanos. Sudani comandou ataques contra as forças da coalizão liderada pelos EUA no Afeganistão, assim como contra forças afegãs e paquistanesas, de acordo com o Pentágono.

Leia também

Primeiro bombardeio aéreo turco na Síria mata mais de 30 membros do EI

Líder veterano da Al Qaeda é morto em ataque aéreo dos EUA, diz Pentágono

O ataque em Paktika foi o mais recente em uma série de operações contra militantes no Afeganistão nas últimas semanas e também matou outros dois militantes, disseram os militares a repórteres que viajam com o secretário de Defesa dos EUA, Ash Carter, em Erbil, no Iraque.

(Da redação)