Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Armênia acusa Azerbaijão de produzir outra incursão em seu território

Por Da Redação 7 jun 2012, 05h45

Yerevan, 7 jun (EFE).- A Armênia acusou nesta quinta-feira o vizinho Azerbaijão de produzir uma nova incursão em seu território, no quarto dia consecutivo de enfrentamentos armados entre os soldados dos dois países, em conflito pela soberania do enclave de Nagorno-Karabakh.

‘A parte azerbaijana mais uma vez tentou realizar uma incursão, mas fracassou. O inimigo retrocedeu ao sofrer baixas, segundo dados preliminares’, informou o Ministério da Defesa da Armênia, precisando ainda que não houve perdas entre suas fileiras.

Ao mesmo tempo, o Estado-Maior do Azerbaijão declarou que suas tropas são capazes de ‘libertar’ as terras de Nagorno-Karabakh em dez dias, mas não fazem isso para ‘evitar um derramamento de sangue’.

O recrudescimento do conflito, que desde segunda-feira tem como saldo a morte de pelo menos nove soldados – quatro armênios e cinco azerbaijanos -, coincidiu com a chegada à região da secretária de Estado americana, Hillary Clinton.

Três soldados armênios faleceram na madrugada de segunda-feira e cinco efetivos azerbaijanos morreram em combate nas primeiras horas de terça, suscitando um cruzamento de acusações entre Baku e Yerevan, que se culpam mutuamente pelos fatos.

Hillary, que concluiu ontem sua viagem pelos três países do Cáucaso – Armênia, Geórgia e Azerbaijão -, expressou sua profunda preocupação com a crescente tensão na zona fronteiriça entre as duas nações. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade