Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Após ‘mãe de todas as bombas’ dos EUA, Russia diz que tem ‘o pai’

Comparação entre os armamentos não-nucleares mais potentes acontece um dia após operação militar americana contra o Estado Islâmico no Afeganistão

Meios de comunicação russos disseram nesta sexta-feira que, se os Estados Unidos têm a “mãe de todas as bombas“, a Rússia tem “o pai de todas as bombas“, que é superior. Os apelidos fazem referência aos armamentos não-nucleares mais potentes desenvolvidos pelos dois países. A comparação foi publicada em matérias das agências de notícias RT e Sputnik um dia após os americanos usarem seu explosivo.

Os Estados Unidos divulgaram na quinta-feira que detonaram às 19h do horário local (11h30 em Brasília) um explosivo cujo nome é GBU-43/B MOAB (Massive Ordnance Air Blast bomb), no Afeganistão. A operação tinha como alvo uma base do Estado Islâmico e foi a primeira vez que este tipo de armamento foi usado em combate.

A bomba americana pesa 9,5 toneladas e tem poder de penetração suficiente para destruir instalações militares subterrâneas. O armamento foi desenvolvido durante a Guerra do Iraque e testado com sucesso em 2003. O ministério da Defesa afegão divulgou que a explosão de ontem destruiu a base e matou pelo menos 36 membros do EI.

As publicações russas, no entanto, lembram que seu explosivo não-nuclear, o Aviation Thermobaric Bomb of Increased Power (ATBIP), é mais potente. Enquanto a MOAB tem um poder de detonação equivalente a 11 toneladas de TNT, o da ATBIP é de 44 toneladas, afirma o RT.

Dessa forma, o raio de ação também seria maior: 300 metros da bomba russa contra 140 metros da americana, relata o Sputnik. O armamento foi desenvolvido nos anos 2000 e testado com sucesso em 2007.

O senador russo Franz Klintsevich disse à agência de notícias russa Ria Novosti que avalia o uso da MOAB pelos Estados Unidos como uma demonstração de força. Mas que “os americanos deveriam parar” porque esse tipo de atitude poderia levar a “consequências imprevisíveis”.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Claudio Stainer

    Comenta-se que acabou o estoque de tadafila na Russia. Estão tentando levantar o ” pai das bombas”.

    Curtir

  2. Claudio Stainer

    A Russia não vai se meter quando for jogada uma bombinha na cabeça do Kin-Jung-Il. Os USA estão defendendo um PIB maior que o dos russos e chineses juntos. China e Russia só defenderiam bagaço e um ditador sanguinário do qual o Mundo quer se ver livre.

    Curtir

  3. Paulo Bandarra

    Muito fracas estas bombas. Aqui Lula destrói um país inteiro. E nem solta fumaça.

    Curtir

  4. Ai, ai ai. Seria melhor que os russos tivessem ficado quieto a respeito desse pai de toda as bombas. Ao mencionar o pai de todas as bombas a única coisa que mostrou é somente o tremendo complexo de inferioridade.

    Curtir

  5. Moacir Alves

    Aqui temos a mae dilma e pai lula…quer mais estrago que eles? E ainda temos mais no arsenal, todo pt, pmdb, psdb, pqp, krlhoa4…

    Curtir

  6. QUERO VER QUEM TEM A SOGRA DE TOAS AS BOMBAS… O PAÍS QUE TIVER A SOGRA SERÁ O CAMPEÃO DOS CAMPEÕES E A TERCEIRA GUERRA MUNDIAL CHEGARÁ AO FIM LOGO LOGO…KKKK
    KKKKKKKKKKK

    Curtir