Clique e assine com até 92% de desconto

Após acidente de avião, filme ‘Relatos Selvagens’ passa a ter alerta para espectadores

Antes das sessões, os cinemas passaram a avisar seus clientes sobre a semelhança do filme com a tragédia registrada na semana passada com o avião da Germanwings

Por Da Redação 31 mar 2015, 15h49

Cinemas britânicos passaram a advertir seus clientes sobre a infeliz similaridade entre uma das histórias do filme argentino “Relatos Selvagens” e o acidente com o voo 4U9525 da Germanwings. Utilizando-se de notas em seus catálogos e avisos antes da exibição do longa, os cinemas alertam os espectadores sobre a violência das imagens e afirmam que as semelhanças com a tragédia são uma coincidência totalmente não intencional.

Em umas das seis narrativas exibidas no filme do diretor Damián Szifrón, um comissário de bordo atrai muitas pessoas com as quais cultivou desavenças durante a vida para o mesmo voo. Depois de se trancar na cabine do piloto, o homem derruba o avião intencionalmente, como forma de vingança. O enredo é semelhante com a tragédia ocorrida na última semana, quando o copiloto Andreas Lubitz deliberadamente provocou a morte de outras 149 pessoas ao chocar o Airbus A320 contra os Alpes franceses.

Leia também:

Austrália passa a exigir 2 pessoas nas cabines dos aviões

Após tragédia nos Alpes, companhias aéreas mudam procedimentos nas cabines dos aviões

Copiloto do Airbus agiu deliberadamente para derrubar o avião

Uma das empresas de exibição britânica, a Curzon, publicou o seguinte aviso: “Após o acidente aéreo da Germanwings na terça-feira 24 de março, por favor, estejam cientes que ‘Relatos Selvagens’ traz uma sequência que os clientes podem considerar perturbadora”. O The British Film Institute (BFI), outro cinema com franquias na Inglaterra, lembra que o filme é uma obra ficcional, e que as semelhanças observadas foram somente uma lamentável coincidência. O jornal The Guardian aponta também que algumas empresas incumbiram funcionários de avisar os telespectadores sobre o conteúdo do longa antes da projeção.

“Relatos Selvagens” foi produzido pelo famoso diretor espanhol Pedro Almodóvar e indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2015. A trama é dividida em seis capítulos, que contam diferentes histórias nas quais os personagens são levados ao limite da racionalidade e acabam apelando para a violência. O primeiro capítulo conta a história do comissário de bordo que se vinga de seus desafetos do passado com um acidente de avião. A similaridade com o caso noticiado na semana passada foi percebida por diversos internautas e usuários das redes sociais, que chegaram até a questionar se Andreas Lubitz teria assistido ao filme argentino.

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade