Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ao menos 11 morrem no norte da Síria por disparos de agentes de Assad

Por Da Redação 13 dez 2011, 08h51

Cairo, 13 dez (EFE).- Ao menos 11 pessoas morreram nesta terça-feira por disparos efetuados pelos seguidores do regime de Bashar Al Assad em vários pontos da província de Idleb, no norte da Síria e na fronteira com a Turquia, indicou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Já os Comitês de Coordenação Local informaram a morte de um homem e uma mulher na província de Hama durante a madrugada, após terem sido atingidos por disparos das forças de segurança.

O Observatório acrescentou que desde segunda-feira os ‘shabiha’, os pistoleiros do regime, mantêm ‘sequestrados’ 17 operários capturados em um ônibus na província Homs, no centro do país.

Essa mesma organização elevou a 19 o número de mortos durante a segunda-feira na Síria, onde foram realizadas em todas as províncias eleições municipais, sobre as quais ainda não foram divulgados dados de participação nem resultados preliminares.

Estas informações não puderam ser verificadas de forma independente devido às restrições que as autoridades impuseram aos jornalistas para trabalhar dentro da Síria. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade