Clique e assine a partir de 9,90/mês

Amy Klobuchar abandona candidatura à nomeação democrata

Senadora não consegue resultados positivos nas quatro primeiras prévias do partido; apenas cinco pré-candidatos continuam na disputa

Por Da Redação - Atualizado em 2 mar 2020, 17h19 - Publicado em 2 mar 2020, 17h00

A senadora democrata Amy Klobuchar desistiu nesta segunda-feira, 2, de sua pré-candidatura à Casa Branca na véspera da Super-Tuesday, a prévia do partido em quinze estados e um território americano. Klobuchar não conseguiu alavancar sua campanha mesmo depois de ter alcançado o terceiro lugar nas primárias de New Hampshire. Segundo a imprensa americana, ele vai apoiar o ex-vice-presidente Joe Biden e deverá estar ao lado dele em comício nesta segunda-feira.

A senadora de Minesota se colocava como concorrente mais capaz de conquistar os votos de eleitores mais moderados no meio-oeste americano do que qualquer outro pré-candidato democrata centrista. A média das pesquisas eleitorais calculada pelo portal Real Clear Politics alçava Klobuchar ao sexto lugar, com apenas 4,8% das intenções de votos.

Klobuchar e a também senadora Elizabeth Warren, que continua na disputa, foram alvos de apoio público do jornal The New York Times nesta corrida democrata.

Esta é a sexta desistência de um pré-candidato democrata desde que as primárias tiveram início, em fevereiro. Com Klobuchar, se juntam Pete Buttigieg, ex-prefeito de South Bend (Indiana), o empresário Andrew Yang, Tom Steyer, Deval Patrick e Michael Bennet. Buttigieg e Steyer anunciaram o abandono da corrida logo depois da prévia na Carolina do Sul, no sábado 29.

Continua após a publicidade

Agora, cinco candidatos continuam no páreo, sendo Bernie Sanders o favorito, com 28,5% na média das pesquisas, seguido por Biden (20%), o bilionário Michael Bloomberg (15%), Elizabeth Warren (14%) e Tulsi Gabbard, com 1,4%.

.

Publicidade