Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Aliado de presidente chinês é rebaixado em novo escândalo

Filho de Ling Jihua estaria envolvido em acidente com Ferrari em março de 2012

Por Da Redação 3 set 2012, 18h18

Um aliado próximo ao presidente chinês, Hu Jintao, foi rebaixado de cargo sob rumores de um novo escândalo político na cúpula do Partido Comunista, informou nesta segunda-feira a rede britânica BBC. Ling Jihua devia ser promovido na transformação da liderança comunista que acontece a cada dez anos – e está programada para este ano – mas o envolvimento de seu filho em um acidente com uma Ferrari acabou com a sua reputação.

Leia também:

Leia também: O teatro político por trás do caso Bo Xilai

Ling Jihua ocupava um alto cargo no Partido Comunista na chefia do Gabinete Geral do Comitê Central – um cargo com status ministerial. Circulam rumores de que o filho de Ling estava dirigindo uma Ferrari que sofreu um acidente em 18 de março em Beijing.

“A liderança central decidiu que o escândalo pelo incidente era sério demais para permitir que Ling Jihua fosse promovido, e Hu Jintao realmente não pôde resistir”, disse um funcionário partidário aposentado.

A identidade dos passageiros nunca foi revelada e o assunto foi censurado na internet em uma tentativa desesperada do Partido Comunista de evitar um escândalo que expusesse o estilo de vida privilegiado da elite política do país. Este é o segundo escândalo político da China em 2012, depois que o ambicioso dirigente comunista Bo Xilai caiu em desgraça devido ao envolvimento – e posterior condenação – de sua mulher pelo assassinato de um empresário britânico.

Continua após a publicidade
Publicidade