Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Alemanha condena atentados ocorridos na Nigéria e no Afeganistão

Por Da Redação 25 dez 2011, 14h09

Berlim, 25 dez (EFE).- O Governo alemão condenou neste domingo os atentados ocorridos tanto na Nigéria, contra igrejas católicas, quanto no Afeganistão, e lamentou que o mundo não esteja a salvo do que chamou de ‘horror covarde do terrorismo’ nem no Natal.

‘Condeno os terríveis atentados contra cristãos que festejavam o Natal em igrejas da Nigéria, do mesmo modo que o faço com o atentado suicida contra os presentes a uma cerimônia fúnebre de Taliqin, no Afeganistão’, disse o ministro de Relações Exteriores, Guido Westerwelle, em comunicado divulgado por seu departamento.

‘Nosso compromisso, e de nossos amigos e parceiros, continuará sendo a luta contra a praga do terrorismo, a violência e a repressão, seja no Afeganistão e na Nigéria, ou na Síria, em Belarus e qualquer outro lugar’, acrescentou o ministro.

Westerwelle destacou importância de buscar uma solução pacífica dos conflitos e disse que esta deve ser a conclusão dos últimos 60 anos de história recente europeia. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade