Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Al Qaeda reivindica libertação de 500 presos no Iraque

Rede terrorista organizou ataque coordenado contra prisões perto de Bagdá

Por Da Redação
23 jul 2013, 11h58

A Al Qaeda assumiu a responsabilidade pelo ataque coordenado contra duas prisões iraquianas na segunda-feira e disse que mais de 500 presos foram libertados, em uma declaração publicada em fóruns de militantes na Internet nesta terça-feira. Os terroristas iniciaram uma operação para libertar militantes presos na noite de domingo, com disparos de morteiros e explosões de carros-bomba contra as prisões de Taji, no norte de Bagdá, e de Abu Ghraib, no oeste da capital.

“Mais de 500 mujahedines foram libertados durante a operação planejada há meses contra duas das principais prisões do país”, afirmou o comunicado publicado no site jihadista Honein.

“Em resposta ao apelo do mujahid (guerreiro sagrado) xeique Abu Bakr al-Baghdadi para selar o bendito plano ‘Quebrando os Muros’, as brigadas mujahideen partiram após meses de preparação e planejamento para o destino de duas das maiores prisões do governo safavida”, disse ainda o comunicado. Safavida é uma referência à dinastia que governou o Irã entre os séculos 16 a 18. O termo é usado por sunitas radicais como uma forma depreciativa dos muçulmanos xiitas.

Os ataques de segunda-feira aconteceram exatamente um ano depois de o líder do braço iraquiano da Al Qaeda, Abu Bakr al-Baghdadi, ter lançado uma campanha chamada “Quebrando os Muros”, que fez da libertação de membros presos a maior prioridade do grupo. Militantes sunitas nos últimos meses recuperaram a força de sua insurgência contra o governo xiita do Iraque, que chegou ao poder após a invasão dos EUA para derrubar Saddam Hussein. (Com agência Reuters)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.