Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ahmadinejad: Irã anunciará novos termos para negociação

O grupo 5+1 e a Alemanha conhecerão as condições na próxima semana

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, declarou nesta quinta-feira que anunciará “suas condições” para eventuais negociações a respeito do seu programa nuclear. Segundo a agência de notícias AFP, o grupo 5+1, composto pelos cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) mais a Alemanha, conhecerá os termos na próxima semana.

“A República Islâmica do Irã anunciará na próxima semana as condições para negociar com os países que votaram uma resolução contra o nosso país”, declarou Ahmadinejad. “Votaram a resolução e depois nos pediram para negociar. Pois bem, vamos negociar de tal maneira que eles vão lamentar e nunca mais se atreverão a cometer esse tipo de erro”, completou.

EUA, Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha já tentam por um longo tempo convencer o Irã a interromper seu programa nuclear, em constante desenvolvimento. “Os países a favor da resolução têm medo, já que imediatamente depois de aprová-la pediram as negociações”, disse Ahmadinejad. “Esses países ameaçam o Irã e creem que nós temos medo. O povo iraniano vai neutralizar essas ameaças”, afirmou.

O presidente também criticou o Conselho pela forma como toma decisões contra seus adversários. “Temos planos para mudar o sistema injusto que governa o mundo e, por isso, falamos da injustiça que é o Conselho de Segurança e sobre a necessidade de corrigi-lo”, disse Ahmadinejad.

Em maio, 12 dos 15 membros do Conselho de Segurança votaram a favor de uma nova resolução que impões sanções ao Irã por conta de seu programa nuclear, que as potências ocidentais acreditam ter fins militares. Teerã nega. Brasil e Turquia votaram contra, e apenas o Líbano se absteve.

(Com agência France-Presse)