Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ahmadinejad descarta ataque americano ao Irã

Por -- 13 dez 2011, 06h19

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, afirmou na segunda-feira à noite, em uma entrevista ao canal oficial de televisão da Venezuela que os Estados Unidos e seus aliados nunca terão a oportunidade de atacar o Irã, ao mesmo tempo que minimizou a ameaça porque responde a “pressões psicológicas e políticas”.

“Apesar do desejo de atacar o Irã, nunca terão a oportunidade de fazê-lo: (Estados Unidos) conhecem muito bem tanto as condições da região como do Irã e não acredito que exista ninguém que tenha a coragem de ordenar um ataque militar”, afirmou Ahmadinejad em uma entrevista concedida de Teerã e traduzida ao espanhol.

Segundo o presidente iraniano, as ameaças velada contra a República Islâmica obedecem a “pressões psicológicas e políticas”, porque há mais de 32 anos os Estados Unidos e seus aliados se opõem ao regime de Teerã.

No mesmo sentido, Ahmadinejad criticou o relatório divulgado em novembro pela Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) que reforça as suspeitas de uma “possível dimensão militar” do programa nuclear iraniano.

Continua após a publicidade
Publicidade