Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Aeronave alemã da II Guerra Mundial é recuperada

Bombardeiro retirado do fundo do Canal da Mancha será restaurado antes de se juntar ao acervo do museu da Força Aérea Britânica

Por Da Redação 10 jun 2013, 22h06

Uma operação realizada nesta segunda-feira retirou o que pode ser o último exemplar intacto do avião de guerra Dornier Do 17 do fundo do Canal da Mancha. O bombardeiro utilizado pela Força Aérea alemã, a Luftwaffe, na Segunda Guerra Mundial, caiu na região durante a Batalha da Grã-Bretanha, em 26 de agosto de 1940. A aeronave passará agora por um processo de restauração em Shropshire, no oeste britânico, antes de ser exposta no museu da Força Aérea Britânica em Hendon, ao norte de Londres.

A existência da aeronave foi conhecida em 2008, quando mergulhadores apontaram sua localização, a 15 metros de profundidade. Historiadores afirmam que dois dos quatro tripulantes da aeronave morreram na queda. Os outros foram capturados pelas forças aliadas e transformados em prisioneiros de guerra.

Os trabalhos de retirada do avião tiveram de ser adiados várias vezes nas últimas semanas, devido ao mau tempo. Na tarde desta segunda-feira, a operação bem-sucedida durou cerca de uma hora, segundo a rede britânica BBC.

Continua após a publicidade

Publicidade