Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Abertura da Copa do Mundo teve “vídeo decepcionante”, diz Guardian

Cerimônia dividiu opiniões e terminou com uma avaliação mediana; destaque foi performance de Robbie Williams com a soprano russa Aida Garifullina

A abertura da Copa do Mundo 2018, na Rússia, teve uma repercussão mediana na imprensa internacional nesta quinta-feira (14). “A cerimônia começa com um vídeo decepcionantemente pré-gravado do violinista Yuri Bashmet e do pianista Daniil Trifonov apresentando Tchaikovski em uma plataforma flutuante no rio Moscou”, alfineta o jornal britânico The Guardian.

Alguns veículos, porém, parecem estar mais empolgados com o início da abertura. “Uma bola que cai do espaço, um menino que percorre as ruas da Rússia com ela entre os pés e a inconfundível música daquele país constituem o vídeo de apresentação da Copa do Mundo da Rússia. Bem-vindos!”, escreve o jornal argentino La Nación, da Argentina.

“Robbie nos ‘entreteve’. Agora é hora do futebol”, resume o britânico The Independent.

Outros veículos não aprovaram a apresentação da soprano russa Aida Garifullina junto com o cantor britânico Robbie Williams, o principal destaque da cerimônia. “A soprano russa Aida Garifullina agora está cantando enquanto anda em algum tipo de dragão – não um dragão real, devo adicionar. Isso não é o Game of Thrones“, brincou a comentarista Emlyn Begley, da rede britânica BBC, sugerindo um desgosto pela escolha dos organizadores.

Entre os comentários positivos sobre a performance, destacam-se elogios à voz da cantora. “Em talvez um dos duetos mais improváveis ​​da história do pop, Robbie Williams se junta a Aida Garifullina para cantar seu grande sucesso ‘Angels’. E… funcionou realmente muito bem! A multidão certamente parece estar gostando, cantando o refrão junto com os dois cantores”, resumiu o canal de TV americano CNN.

O espanhol Diário AS classificou o desfile em geral como “espetacular”. “Bandeiras da Arábia Saudita e da Rússia aparecem, enquanto as dançarinas vêm disfarçadas com as cores de ambos os países de estreia”.

O portal australiano News afirmou, ainda, que os fãs pareceram gostar da abertura mais breve desse ano, que durou apenas 15 minutos. “A cerimônia de abertura no Brasil, há quatro anos, que contou com Jennifer Lopez e Pitbull, durou cerca de meia hora. A abertura da África do Sul, em 2010, foi de cerca de 40 minutos”, escreveu. “Então os diretores optaram por fazer [uma cerimônia] mais curta e agradável, mantendo-a perto início do jogo entre a Rússia e a Arábia Saudita, [o que parece ter sido] um bom resultado para os torcedores.”

Putin

Após a abertura, o presidente russo Vladimir Putin deu um discurso falando sobre a felicidade russa em estar sediando pela primeira vez “esse grandioso evento” e destacou o papel de união que o evento tem entre os países.

“Independentemente das diferenças de idioma, ideologia, raça ou qualquer outro tipo, estamos unidos pelo esporte e os valores do esporte”, disse Putin. Ele afirma que devemos aproveitar o esporte para fortalecer os laços de “paz e união entre países”.