Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Pâine Panificação Artesanal assa os melhores pães de Fortaleza

Em 2019, de fornada em fornada, a agradável padaria do Varjota leva seu terceiro prêmio VEJA COMER & BEBER

Por Mônica Santos - Atualizado em 7 dez 2019, 01h01 - Publicado em 7 dez 2019, 00h01

Quando o assunto é panificação artesanal, não há como negar que a Pâine vem fazendo história na capital cearense. São prova disso os prêmios e também a inauguração, no ano passado, de uma fábrica exclusiva para a produção, que abastece os pontos de venda espalhados pela cidade. Formado em gastronomia na Espanha, o mineiro Thiago Lima desenvolve as receitas enquanto sua mulher, a russa Irina Chuprunova, e os sócios Cláudio Costa e Juliana Banhos se ocupam de outras demandas do dia a dia na agradável padaria do Varjota. A vitrine dos pães, preparados sem aditivos químicos, com fermentação natural e farinhas francesas e italianas, fica logo na entrada. Ao longo do dia saem, por exemplo, o multigrãos integral (R$ 33,00 o quilo), o pão de campanha (R$ 30,00 o quilo), feito com farinha de centeio, a focaccia (R$ 40,00 o quilo) e muitos croissants (R$ 6,00 a unidade, no café, ou R$ 70,00 o quilo). Lançados recentemente, o palmier (R$ 85,00 o quilo) e o folhado preenchido de maçã verde e creme de confeiteiro (R$ 85,00 o quilo) são boas pedidas para acompanhar o café expresso (R$ 4,50) ou o coado na prensa francesa (R$ 10,50). Às sextas e, eventualmente, nos fins de semana, entram em cena dois novos sanduíches — o de barriga de porco mais barbecue de goiaba, picles de cebola, tomate e rúcula sai por R$ 25,50. Em tempo: a marca acabou de inaugurar, no Shopping RioMar, a Pâine Croissanterie, um quiosque para vender, é claro, os deliciosos croissants com recheios salgados e doces. Rua Castro Monte, 899, Varjota,3267-3566 (80 lugares). 9h/19h (sáb. 8h/18h; dom. 8h/12h; fecha seg.). Aberto em 2016.

2º lugar – Empório Delitalia

O amplo espaço conjuga diversos serviços. Da área de panificação, finalista na categoria, vêm o pão francês (R$ 16,90 o quilo) e o italiano de fermentação natural (R$ 42,00 o quilo). Para comer no local, o sanduíche buraco quente é feito no pão francês (R$ 12,90). A espaçosa adega abriga 700 rótulos, com preços que variam de R$ 33,50 (o espanhol Cosecha Tarapacá 2019) a R$ 2 290,00 (o português Pêra Manca 2013). Avenida Desembargador Moreira, 533, Meireles,3133-5000. 6h30/22h (dom. a partir das 7h30). Aberto em 2009.

3º lugar – Grão D’Alino Padaria Artesanal

Publicidade

A produção artesanal encabeçada por Cassius Coelho valoriza a fermentação natural e os ingredientes orgânicos. Das oitenta receitas que saem do forno, fazem sucesso o pão italiano com farinhas branca e integral, azeite de oliva, melaço de cana e especiarias (R$ 11,00; 350 gramas) e o croissant feito com farinha italiana, manteiga francesa, açúcar orgânico e mel de caju (R$ 8,50). O cookie de castanha-de-caju e damasco sem trigo sai por R$ 6,00. Rua Coronel Jucá, 253, Meireles,99933-0149. 13h/19h30 (sáb. e feriados 9h/14h). Aberto em 2017.

Quer conhecer todos os campeões e o roteiro completo de VEJA COMER & BEBER Fortaleza 2019? Clique aqui.

Publicidade