Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Walcott vê Arsenal melhor com as saídas de Fábregas e Nasri

As saídas de Cesc Fábregas e Samir Nasri no início da temporada 2011/2012, para Barcelona e Manchester City, respectivamente, eram vistas como possíveis problemas para o Arsenal, que perdeu duas de suas principais peças. Após quase metade da temporada, Theo Walcott foi contra a previsão e considerou que os Gunners melhoraram sem a dupla.

‘Não estou dizendo que Cesc e Samir eram jogadores individuais, eles são excelentes jogadores, mas quando você perde dois atletas como ele, todos precisam ficar mais unidos’, explicou o atleta, que ainda elogiou os reforços trazidos pelo técnico Arsene Wenger.

‘O treinador trouxe bons reforços e nós somos um pouco mais de time, trabalhamos melhor quando não temos a posse de bola. Passamos algumas partidas sem sofrer gols e ter Vermaelen de volta é muito importante para o nosso time’, completou.

Apesar da visão otimista, o início de temporada do Arsenal foi desastroso. Após sofrer um vexatório 8 a 2 diante do Manchester United, o clube londrino chegou a flertar com a zona de rebaixamento na Premier League. A vinda de novos atletas, porém, fez com que a equipe chegasse aos 36 pontos, na quinta colocação e brigando por uma vaga na próxima Liga dos Campeões.

Para o atacante, o caminho para que a equipe mantenha sua reação é fazer com que mais atletas marquem gols. ‘Precisamos dividir mais os gols. Samir e Cesc marcavam muitos deles, e o Van Persie tem feito a maioria agora. Então, este precisa ser o nosso próximo passo’, revelou o jogador do Arsenal, que volta a atuar na segunda-feira, diante do Leeds United, pela FA Cup.