Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vitória recebe o Bahia tentando manter o tabu em finais do Baiano

Neste domingo, o Vitória recebe o Bahia no primeiro jogo da final do Campeonato Baiano, às 16 horas (de Brasília). O Tricolor de Aço conta com a vantagem do empate no placar agregado para tentar reverter o domínio do rival nas finais do estadual nos últimos anos.

Desde 2000, o Vitória somou nove títulos do Campeonato Baiano, sendo sete deles conquistados após uma disputa de Ba-Vi na final. O único título do Bahia nesse período não foi conquistado sobre o Leão da Barra, mas sim sobre o Juazeiro. O último torneio vencido pela equipe com um clássico na partida decisiva foi em 1998.

Para voltar a levantar a taça, o elenco do Bahia valoriza a vantagem em caso de dois empates, conquistada pelo fato do time ter feito a melhor campanha na primeira fase do Campeonato Baiano. Souza, artilheiro da equipe com 18 gols, comemorou o fato, mas garantiu que o time irá atacar nos dois confrontos.

‘A vantagem é muito importante. Mas vantagem a gente vai deixar no bolso guardada e vai jogar para vencer o jogo. A gente vai jogar os dois jogos para vencer’, declarou o atacante, que volta ao time após um mês fora por lesão. Seu companheiro no ataque, no entanto, ainda não está definido. Com a suspensão de Lulinha, Zé Roberto e Júnior são os principais concorrentes para ocupar uma vaga no ataque titular.

Já o Vitória conta com a experiência de atletas como Uelliton. O volante marcou presença nas últimas cinco finais do Campeonato Baiano e só não se sagrou campeão na última, quando o Leão da Barra foi derrotado pelo Bahia de Feira.

‘Já são cinco finais de Baianão, então sei como são as coisas nessas decisões. Espero que o time atue como no segundo Ba-Vi do ano, quando vencemos o Bahia por 3 a 2. Naquela partida, a gente jogou para frente, marcando sob pressão e conseguiu o triunfo. Se fizermos isso, temos tudo para conseguir um bom resultado’, analisou o meio-campista.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA X BAHIA

Local: Estádio Manoel Barradas, o Barradão, em Vitória (BA)

Data: 6 de maio de 2012 (domingo)

Horário: 16 horas (de Brasília)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)

Assistentes: Altemir Hausmann (Fifa-RS) e Roberto Braatz (Fifa-PR)

VITÓRIA: Douglas; Léo, Victor Ramos, Rodrigo Costa e Wellington Saci; Uelliton, Michel, Pedro Ken e Geovanni; Tartá e Neto Baiano

Técnico:Ricardo Silva

BAHIA: Marcelo Lomba; Madson (Fabinho), Rafael Donato, Titi e Gerley; Fahel, Hélder, Gabriel e Morais; Zé Roberto (Júnior) e Souza

Técnico: Paulo Roberto Falcão