Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vitória goleia o rebaixado Salgueiro e entra no G4

Por AE

Salvador – O Vitória não desperdiçou a chance e finalmente entrou no G4, o grupo de acesso do Campeonato Brasileiro da Série B. O time baiano recebeu o já rebaixado Salgueiro, nesta sexta-feira, no Estádio Barradão, em Salvador, e fez a alegria do seu torcedor, ao golear por 5 a 1.

Com a goleada nesta 34ª rodada do campeonato, o Vitória assumiu a quarta colocação, agora com 53 pontos. Mas corre o risco de ser ultrapassado pelo Americana, que tem 51 e joga neste sábado contra a vice-líder Ponte Preta, em Campinas. Já o Salgueiro segue com apenas 26 pontos.

O time baiano dominou o jogo desde o início. O primeiro gol saiu aos nove minutos, quando Fábio Santos recebeu cruzamento e cabeceou a bola no travessão, mas aproveitou o rebote para fazer 1 a 0. Cinco minutos depois, Marquinhos passou pelo zagueiro e acertou o ângulo: 2 a 0.

Com o jogo nas mãos, o Vitória chegou ao terceiro gol aos 36 minutos, quando Gilberto lançou o lateral Fernandinho, que entrou na área, passou pelo goleiro e tocou para o gol. O Salgueiro conseguiu descontar aos 45, com Fabrício Ceará, que aproveitou escanteio para marcar de cabeça.

Na segunda etapa, o Vitória manteve o ritmo e consolidou a goleada. Aos 13 minutos, Gilberto recebeu na entrada da área, passou pelo zagueiro e tocou na saída do goleiro para fazer o quarto gol. Neto Baiano, que tinha entrado na etapa final, ainda fez o quinto aos 30.

Pela 35ª rodada da Série B, que será realizada na terça-feira, o Vitória visita justamente o Americana no interior paulista, enquanto o Salgueiro recebe o Bragantino em Paulista (PE).

FICHA TÉCNICA:

Vitória 5 x 1 Salgueiro

Vitória – Douglas; Nino, Gabriel, Jean e Fernandinho; Uelliton, Preto, Geovanni (Xuxa) e Gilberto (Lúcio Flávio); Marquinhos e Fábio Santos (Neto Baiano). Técnico – Vágner Benazzi.

Salgueiro – Luciano; Thony, Sérgio Rafael, Alexandre e Piauí; Amaral, Renê (Gaibu), Diego Paulista e Clebson (Thiago Marabá); Fabrício Ceará e Élvis (Edimar). Técnico – Neco.

Gols – Fábio Santos, aos 9, Marquinhos, aos 14, Fernandinho, aos 36, e Fabrício Ceará, aos 45 minutos do primeiro tempo; Gilberto, aos 14, e Neto Baiano, aos 30 minutos do segundo tempo.

Árbitro – José de Caldas Souza (DF).

Cartões amarelos – Jean, Geovanni, Amaral, Fabrício Ceará e Clébson.

Público – 26.616 pagantes.

Renda – R$ 44.785,00.

Local – Estádio Barradão, em Salvador (BA).