Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vila Nova leva gol no fim e segue na zona da degola

Por AE

Goiânia – Ainda não foi dessa vez que o Vila Nova deixou a zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro. O time goiano levou um gol aos 40 minutos do segundo tempo e não passou do empate por 1 a 1 com o ASA, no Estádio Serra Dourada, pela 26.ª rodada. O visitante segue sem vencer fora dos seus domínios.

O tropeço diante de seus torcedores manteve o Vila Nova entre os piores da Série B, figurando em 18.º lugar, com 28 pontos. O ASA tem seis pontos a mais e aparece na 12.ª colocação, cada vez mais distante do G-4.

O Vila Nova começou o jogo partindo para cima do ASA, mas encontrava muitas dificuldades em furar o bloqueio. Aos poucos, o time alagoano passou a se soltar mais e chegou algumas vezes com perigo, principalmente nos cruzamentos de Gilberto Matuto.

O time da casa voltou mais atento do intervalo e criou a primeira chance com Luiz Fernando, que bateu firme para grande defesa de Gilson. O goleiro, porém, não evitou o gol aos 18 minutos. Victor Ferraz aproveitou cruzamento, dominou livre e bateu sem chances para Gilson.

Abatido pelo gol, o ASA praticamente não chegou com perigo no ataque, mas acordou no final e conseguiu arrancar o empate. Aos 40 minutos, Reinaldo Alagoano aproveitou sobra e bateu com categoria por cima de Michel Alves, deixando tudo igual.

O Vila Nova volta a campo diante do Guarani na sexta-feira, às 20h30, novamente no Estádio Serra Dourada, pela 27.ª rodada. No sábado, o ASA recebe o Icasa, às 16h20, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL).

Ficha Técnica:

Vila Nova 1 x 1 ASA

Vila Nova – Michel Alves; Henrique, Ben Hur e Gabriel; Victor Ferraz, Geovane (Adilson), Ricardinho (Luiz Fernando), David e Davi Ceará; Jô (Wando) e Leandro Cearense. Técnico: Léo Goiano.

ASA – Gilson; André Nunes, Leandro Cardoso e Di Fábio (Marielson); Gilberto Matuto, Jorginho, Gustavo (Francismar), Luciano Totó e Maurin (Reinaldo Alagoano); Vitinha e Alexsandro. Técnico: Vica.

Gols – Victor Ferraz, aos 18, e Reinaldo Alagoano, aos 40 minutos do segundo tempo.

Árbitro – Dewson Fernando Freitas da Silva (PA).

Cartões amarelos – Di Fábio, Jô, Gabriel, Leandro Cearense.

Renda – R$ 26.220,00.

Público – 4.480 pagantes.

Local – Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).