Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Vídeo: Pelé não queria bater o pênalti do gol 1000 há 50 anos

O Rei do Futebol falou com exclusividade sobre os momentos que antecederam a marca histórica no dia 19 de novembro de 1969

Por Alexandre Senechal, Luiz Felipe Castro Atualizado em 19 nov 2019, 15h22 - Publicado em 19 nov 2019, 09h00

O gol número 1 000 de Pelé completa 50 anos nesta terça-feira 19. A marca, contudo, poderia nunca ter acontecido naquela noite no Maracanã, porque o Rei do Futebol não queria bater a penalidade máxima que ele mesmo sofreu contra o Vasco. O maior artilheiro da história do Santos e da seleção brasileira revelou em entrevista exclusiva a VEJA que pediu para Carlos Alberto Torres cobrar o pênalti.

Naquele ano, quem estava batendo os pênaltis do Santos era o Carlos Alberto. Ele era o batedor oficial do time. Quando o juiz deu o pênalti, o Carlos Alberto disse: ‘Rei, vai você bater o pênalti’. Falei: ‘vai tu, meu chapa!’. Ele não queria bater e insistiu. Aí eu aceitei, mas achei uma sacanagem”, confessou o Rei do Futebol em entrevista na semana passada no Museu Pelé, em Santos, no litoral de São Paulo. 

  • Com 999 gols como jogador profissional até aquela noite, Pelé disse que se assustou quando viu a equipe inteira do Santos atrás da linha de meio-campo, para deixá-lo alcançar o milésimo sozinho. “Fui pra bola pensando ‘esse não dá pra perder. Meu Deus, me ajuda’. Foi um dos momentos mais difíceis da minha carreira. E quase que o Andrada pega. Ele ainda tocou na bola o desgraçado”, brincou.

    Pelé foi primeiro jogador da história a realizar o feito, quando tinha 29 anos de idade – e um ano antes da sua grande obra-prima da carreira, a conquista do tricampeonato pela seleção brasileira na Copa do Mundo do México. Ele não acredita que Lionel Messi, Cristiano Ronaldo ou qualquer outro jogador da atual geração possa chegar aos 1 282 gols que marcou. “Para bater o meu recorde, isso aí é impossível”.

    Clique nas imagens abaixo para comprar Pelé: A Origem, Isto É Pelé, DVD – Pelé Eterno, Livro – Minha Vida Em Imagens, DVD – O Mundo A Seus Pés e Livro (em inglês) – Pelé: The Autobiography

    *A Editora Abril tem uma parceria com a Amazon, em que recebe uma porcentagem das vendas feitas por meio de seus sites. Isso não altera, de forma alguma, a avaliação realizada pela VEJA sobre os produtos ou serviços em questão, os quais os preços e estoque referem-se ao momento da publicação deste conteúdo.

    Publicado em VEJA de 20 de novembro de 2019, edição nº 2661

    Continua após a publicidade
    Publicidade