Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Vídeo: Fernando Alonso capota no Rali Dacar

Piloto espanhol e seu parceiro saíram ilesos do acidente e seguiram na competição

Por Da redação - Atualizado em 15 jan 2020, 13h39 - Publicado em 15 jan 2020, 12h55

O piloto espanhol Fernando Alonso é uma das principais atrações do Rali Dacar 2020, que pela primeira vez está sendo disputado na Arábia Saudita. Nesta quarta-feira 15, no entanto, o bicampeão da Fórmula 1 teve um dia ruim nas dunas de Jeddah, onde seu carro capotou de forma impressionante. Alonso e seu co-piloto Marc Coma não se feriram e, inclusive, seguiram na prova, apesar dos estragos em seu Toyota Hilux.

Imagens divulgadas pelo próprio Rali Dacar mostraram o carro de Alonso perdendo o controle e dando dois giros no ar antes de cair em pé e seguir caminho. Em suas redes sociais, o piloto de 38 anos disse estar bem e ansioso para o próximo dia de disputa.

 

View this post on Instagram

Publicidade

Ya en campamento con el Matador! A parte el “tropiezo” inicial muy contento de seguir sin la etapa y acabar un día más y no perder demasiado tiempo en la general👍👍! Ahora intentamos poner el cristal delantero y mañana más caña! ✊️!! Olé✊️✊️ #Dakar

A post shared by Fernando Alonso (@fernandoalo_oficial) on

Com um para-brisa quebrado e pneus furados, Alonso e Coma perderam tempo com reparos e terminaram a etapa desta quarta-feira na modesta 55ª colocação e caíram para a 14ª no geral. Já os também espanhóis Carlos Sainz e Lucas Cruz deixaram encaminhada a conquista do terceiro título da parceria ao vencerem a décima e antepenúltima etapa, que precisou ser encurtada devido ao vento forte no último trecho da corrida.

Morte nas motos – O mais famoso e exigente rali do mundo, que em 2020 chegou a sua 42ª edição, registrou uma morte no último domingo 12. O português Paulo Gonçalves sofreu um acidente durante a disputa das motos e não resistiu a uma parada cardíaca. O piloto de 40 anos participava do Dacar pela 13ª vez na carreira.

Publicidade

Foi a primeira morte no Dacar desde 2015 e a 29ª da história entre competidores. Outras 29 pessoas, entre jornalistas, espectadores e funcionários da organização morreram em quatro décadas de competição.

View this post on Instagram

Publicidade

Portuguese biker Paulo Gonçalves passed away. The entire Dakar caravan would like to extend its sincere condolences to his friends and family. ⠀ Décès du pilote portugais Paulo Gonçalves. À sa famille, à ses proches, toute la caravane du Dakar présente ses condoléances attristées. توفي السائق البرتغالي باولو غونسالفيس. عائلة داكار تتوجّه بأحر التعازي لعائلته ومحبيه Fallecimiento del piloto portugués Paulo Gonçalves. Toda la caravana del Dakar quiere presentarle a su familia, amigos y allegados su más sentido pésame. ⠀ + info: https://www.dakar.com⠀ ⠀ #Dakar2020 ‎#داكار2020

A post shared by Dakar Rally (@dakarrally) on

Publicidade

(com EFE)

Publicidade