Clique e assine a partir de 9,90/mês

Vettel diz que Ayrton Senna é referência nas poles

Com 77% de aproveitamento, o alemão já ultrapassou o brasileiro, que conseguiu 75% de regularidade entre 1988 e 1990

Por Da Redação - 14 set 2011, 10h24

Atual campeão e líder da temporada 2011 da Fórmula 1, o alemão Sebastian Vettel, de 24 anos, está próximo de bater mais um recorde na carreira: de aproveitamento em pole positions. Precisando ultrapassar apenas Nigel Mansell, no entanto, o alemão acredita que o maior piloto da história no quesito continua sendo tricampeão mundial Ayrton Senna, morto em 1994.

“Seria legal conseguir o recorde, mas o que foi mais impressionante, e que provavelmente sempre será, é Ayrton Senna. A quantidade de poles que ele conseguiu durante um ano, e também depois em três ou quatro anos seguidos, são a real referência”, afirmou o líder do mundial, com 112 pontos de diferença para Fernando Alonso, segundo colocado. Vettel conseguiu 10 de 13 poles na nesta temporada, desempenho de 77% de aproveitamento. Mansell, por sua vez, conseguiu 14 de 16 disputadas no campeonato de 1992, garantiu 87% de regularidade e foi campeão do Mundial. O piloto da Red Bull já ultrapassou Senna, que entre 1988 e 1990, quando conquistou dois títulos mundiais, teve 75% ao conseguir 36 das 48 poles possíveis. Michael Schumacher é o recordista com 68 poles. Senna é o segundo colocado, com três a menos. Vettel, por sua vez, fez o melhor tempo 25 vezes. (Com agência Gazeta Press)

Publicidade