Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Vereadores de CPI aprovam acessos do Morumbi a deficientes físicos

Por Da Redação 11 out 2011, 07h51

Bombardeado em várias frentes por causa do fracasso pela disputa da Copa do Mundo de 2014 e o aparecimento de novos estádios, o Morumbi recebe uma boa notícia. O estádio do São Paulo foi aprovado e elogiado em uma visita de vereadores da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Acessibilidade da Câmara Municipal da capital.

A vistoria foi realizada na sexta-feira, antes do primeiro show do astro canadense Justin Bieber no Morumbi. Presidente da CPI, o vereador Gilberto Natalini (PV) justificou que a intenção principal foi analisar a acessibilidade e mobilidade do estádio para deficientes físicos.

Em termos gerais,o vereador paulistano ficou satisfeito com o que observou. ‘A gente viu que o estádio do São Paulo tem acessibilidade muito organizada aos deficientes, ala com banheiros, com rampas, espaço próprio, está bom’, disse Gilberto Natalini.

No site oficial, o São Paulo informa que o setor de deficientes do Morumbi apresenta uma área disponível de 470m , além de 108 lugares. No projeto de modernização, o estádio ainda prevê um novo local às pessoas com necessidades especiais.

Para o show dançante de Justin Bieber e a apresentação de Eric Clapton e sua guitarra nesta quarta-feira, os membros da CPI realizaram apenas uma observação aos responsáveis pela administração do Morumbi. ‘Pedimos o alargamento de rampas (em cerca de 40 centímetros) de acesso às áreas dos deficientes’, comentou Gilberto Natalini.

O certificado de acessibilidade do Morumbi foi concedido pela Prefeitura em 2006. Portanto, Gilberto Natalini assegura que o local está adequado para a sua principal finalidade: ‘O Morumbi também se encontra dentro da lei nesta questão dos deficientes físicos para os jogos de futebol’, avisou.

Segundo Gilberto Natalini, a visita dos integrantes da CPIda Acessibilidade da Câmara Municipal será frequente em praças esportivas. ‘Começamos com uma agenda no Anhembi, durante a realização da Fórmula Indy, e vamos a outros locais’, prometeu o vereador, sem estipular as datas das futuras averiguações.

Continua após a publicidade
Publicidade