Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Verdão escancara tática: ordem é criar faltas para Marcos Assunção

De 11 gols do Palmeiras na temporada 2012, sete passaram pelos pés de Marcos Assunção. No elenco comandado pelo técnico Luiz Felipe Scolari, não há mais como esconder: uma das prioridades é criar oportunidades para a bola parada do volante.

‘A gente tem que saber explorar essa qualidade do Assunção, é uma grande arma do Palmeiras. Se tivermos oportunidades de cavar as faltas, nós vamos cavar’, comenta o camisa 83.

Nas cobranças de falta, Marcos Assunção é perigoso nos cruzamentos e até nos chutes na direção das metas adversárias. Na vitória contra o XV de Piracicaba, o meio-campista marcou um e deu assistência para o gol de Artur.

‘A fase está boa, temos que aproveitar esse bom momento’, afirma Marcos Assunção, esbanjando confiança com a sua maior qualidade.

O segredo do volante está nos treinos realizados com energia total na Academia de Futebol e na exigência própria por um bom desempenho. Marcos Assunção também considera a humildade fundamental para brilhar dentro de campo.

‘Eu não me considero o melhor batedor de faltas. Vim de família humilde, penso apenas em ajudar o próximo. Tenho a felicidade de contribuir com o Palmeiras’, destaca o veterano, de 35 anos.