Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Vaso sanitário atirado de estádio mata torcedor em Recife

Objeto arremessado das arquibancadas do Estádio do Arruda atingiu jovem após partida entre Santa Cruz e Paraná, pela Série B do Campeonato Brasileiro

Por Da Redação 3 Maio 2014, 03h11

Um jovem morreu na noite desta sexta-feira ao ser atingido por um vaso sanitário arremessado das arquibancadas do Estádio do Arruda, em Recife. O episódio aconteceu logo após o jogo entre Santa Cruz e Paraná, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Segundo a Polícia Militar, a vítima foi identificada como Paulo Ricardo Gomes da Silva. Ele vestia uma camiseta preta e seria torcedor do Sport, cuja torcida organizada é aliada da uniformizada do Paraná.

O vaso sanitário foi atirado da parte superior das arquibancadas durante uma briga de torcidas ao final da partida. O objeto caiu perto dos portões 6 e 7, na Rua das Moças, uma das vias de acesso ao setor de visitantes do Arruda. O responsável pela agressão não foi identificado e ninguém foi detido. A partida entre Santa Cruz e Paraná terminou empatada em 1 a 1.

Reincidência – Em março, torcedores de Sport e Santa Cruz brigaram antes e depois do jogo entre as equipes na Ilha do Retiro, também em Recife. Na ocasião, o banheiro do setor de visitantes do estádio foi depredado, com vasos sanitários e pias sendo destruídos pelos vândalos. Daquela vez, no entanto, a confusão não teve consequências trágicas.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade