Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Vasco x São Paulo: choque direto por vaga na Libertadores

Time carioca, quarta colocado, recebe paulistas, em quinto, em São Januário

Por Da Redação 10 out 2012, 09h36

“Uma derrota seria um balde de água fria, já que a gente vive um momento legal”, diz Luís Fabiano

Vasco e São Paulo, adversários diretos na briga por uma vaga na Copa Libertadores de 2013, duelam nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), no Estádio São Januário, no Rio de Janeiro, num confronto que pode ser decisivo para os rumos dos clubes no Campeonato Brasileiro. Uma vitória dos cariocas em casa pode encaminhar a classificação para a equipe, que passou boa parte da competição entre os quatro primeiros. O São Paulo, que oscilou muito no Brasileirão, busca entrar definitivamente na disputa pela vaga nesta reta final de campeonato. No primeiro turno do Brasileiro, o Vasco venceu por 1 a 0, no Morumbi.

Leia também:

Leia também: Clássicos tradicionais valem pouco na rodada desta quarta

O Vasco é o quarto colocado, com quatro pontos a mais do que o São Paulo. Assim, a diferença iria para sete em caso de vitória do time da casa, restando nove rodadas para o término da competição. A vantagem é considerada grande demais pelo são-paulino Luis Fabiano: “Seria um balde de água fria, já que a gente vive um momento legal. Não é um grande momento, seria se a gente estivesse brigando pelo título ou já dentro do G4, mas, ainda assim, é um momento legal”, disse o atacante, autor de dois gols na vitória por 3 a 0 sobre o Palmeiras, a terceira de uma série invicta de quatro jogos.

Leia também:

Leia também: Líderes Flu e Atlético jogam fora de casa nesta quarta-feira

Antes de vencer o clássico no sábado passado, o São Paulo vinha de empate com o Coritiba e triunfos sobre Cruzeiro e Portuguesa. Os dez pontos, porém, não o aproximaram tanto do Vasco, que somou só dois a menos, com duas vitórias (Atlético-GO e Figueirense) e dois empates (Ponte Preta e Cruzeiro). Sem Lucas, convocado para a seleção, a vaga na ponta direita deve ficar com o lateral direito Douglas ou o atacante Ademilson. O Vasco também tem problemas na formação. Além de Dedé, que também está na seleção, o meia Carlos Alberto cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Para o técnico Marcelo Oliveira, trata-se de uma “minifinal”.

(Com agência Gazeta Press)

Continua após a publicidade
Publicidade