Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vasco visita a Portuguesa tentando esquecer a Libertadores

Eliminado da Copa Libertadores pelo Corinthians no meio de semana com uma derrota por 1 a 0, o Vasco junta os cacos e começa a pensar no Campeonato Brasileiro. Por essa competição o Cruz-maltino já volta a campo neste sábado, às 18h30 (de Brasília), para medir forças com a Portuguesa no Canindé, em São Paulo, pela segunda rodada da competição.

Ganhando, o time carioca tem a chance de pegar embalo no Brasileirão, pois estreou vencendo o Grêmio por 2 a 1. Já a Lusa, que vem de empate por 1 a 1 com o Palmeiras, busca seu primeiro triunfo no retorno à elite do futebol nacional.

Cristóvão Borges, técnico do Vasco, sabe que é preciso que sua equipe mude o foco rapidamente e consiga um resultado positivo, já que um novo tropeço pode mergulhar o Cruz-maltino na crise. Por isso vem convencendo o elenco de que é possível brigar pela conquista do título brasileiro, que não vem desde 2000.’Acredito que podemos sim conquistar o título do Brasileirão com a manutenção do trabalho. Ano passado passamos perto do título brasileiro e vamos procurar jogar bem, melhorar a equipe e ficar mais forte. É um campeonato duro, longo, assim como no ano passado. Mas nós mantemos a base e jogar uma Libertadores da forma como jogamos nos credencia sim a buscar o título’, avaliou o técnico.

Os jogadores consideram que a vitória sobre a Portuguesa pode mudar o ambiente no clube e trazer novamente a torcida para junto do elenco, já que, apesar da eliminação, o Vasco fez um bom jogo contra o Corinthians.

‘A torcida sabe que a gente lutou muito na Libertadores, mas infelizmente o resultado não veio. Estamos focados agora em lutar pelo título brasileiro e tenho certeza de que com uma série de vitórias os torcedores voltarão a nos apoiar e nos dar força nesta caminhada. Nosso grupo já está pensando na partida contra a Portuguesa, pois ela será muito importante para a nossa sequência na competição’, declarou o goleiro Fernando Prass.

Para este compromisso o Vasco não poderá contar com o lateral esquerdo Thiago Feltri, com dores na panturrilha esquerda, e nem com o volante Rômulo, servindo à Seleção Brasileira em amistosos internacionais. Com isso, Dieyson entra na lateral e Fellipe Bastos vai atuar na proteção aos zagueiros. Quem está confirmado é o atacante Alecsandro, recuperado de um incômodo na coxa esquerda.

Pelo lado da Portuguesa, o técnico Geninho aposta no fator campo para que sua equipe consiga um grande resultado diante dos vascaínos. Ele quer contar com o apoio da torcida.

‘Estamos bem focados para o melhor resultado. Temos a vantagem de jogar em casa e isso dá uma força maior para os jogadores. A partida não será fácil, mas temos que ter confiança no nosso elenco’, disse Geninho.

O treinador também está otimista pela semana livre que teve para trabalhar após a partida contra o Palmeiras.

‘Acredito que conseguimos um bom resultado na estreia, mas ainda temos uma longa caminhada pela frente. Ao longo da semana corrigimos alguns erros cometidos contra o Palmeiras e estamos confiantes na vitória diante do Vasco. Nosso grupo está focado em fazer uma grande campanha’, garantiu o técnico.

Geninho não poderá contar mais com o goleiro Wéverton, que se transferiu para o Atlético-PR. Assim, Rodrigo Calaça assume a camisa 1 até Dida, ex-Seleção Brasileira e contratado ao longo da semana após estar dois anos afastado do futebol, reunir condições de atuar pela Portuguesa.

FICHA TÉCNICA

PORTUGUESA-SP X VASCO-RJ

Local: Canindé, em São Paulo (SP)

Data: 26 de maio de 2012 (Sábado)

Horário: 18h30 (de Brasília)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)

Assistentes: Luiz Santos Renesto (PR) e Pedro Christino (PR)

PORTUGUESA: Rodrigo Calaça; Luis Ricardo, Rogério, Renato e Raí; Wilson Matias, Léo Silva, Boquita e Henrique; Ananias e Ricardo Jesus

Técnico: Geninho

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Renato Silva, Rodolfo e Dieyson; Nilton, Fellipe Bastos, Diego Rosa e Diego Souza; Eder Luis e Alecsandro

Técnico: Cristóvão Borges