Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Vasco perde para Aurora da Bolívia na Sul-Americana

Por Aizar Raldes 6 out 2011, 01h00

O Vasco foi derrotado pelo boliviano Aurora por 3 a 1 no jogo de ida disputado nesta quarta-feira, no estádio Félix Capriles de Cochabamba, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana.

O “Expressinho” do Vasco, formado por jogadores reservas, abriu o placar com Bernardo, aos 40 minutos, mas o Aurora virou no segundo tempo com gols do paraguaio Aquilino Villalba, aos 4, Augusto Andaveris, 11, e do colombiano Jair Reinoso, aos 28 minutos.

O Vasco criou sua primeira oportunidade clara aos 29 minutos, quando Bernardo cobrou falta com perigo e o goleiro argentino Pablo Lanz tirou de soco.

Aos 35, Patric entrou pela direita e disparou contra Pablo Lanz, que desviou com dificuldade.

No domínio, o Vasco finalmente abriu o placar com a ajuda fundamental do goleiro Pablo Lanz, que saiu para interceptar um lançamento para Bernardo, foi enganado pelo quique da bola, e deixou o jogador vascaíno na boa para arrematar sob o travessão, aos 40 minutos.

Continua após a publicidade

No prejuízo, o técnico do Aurora, Julio César Baldivieso, trocou o volante Gonzalo Galindo pelo atacante Augusto Andaveris, para abrir a prevista retranca do Vasco.

E quando a partida parecia tranquila, os bolivianos empataram em outra jogada acidental. Após cobrança de córner da esquerda, a bola sobrou no meio da área, vários jogadores chutaram mas foi o atacante Villalba que arrematou sem jeito, sobre o goleiro Fernando Prass, que saiu para tentar abafar e aceitou, aos 4 minutos do segundo tempo.

O gol do time local animou a partida e fez o Aurora acreditar na vitória, voltando a marcar aos 11, quando Augusto Andaveris aproveitou um passe de cabeça de Villalba para disparar de canhota e bater Fernando Prass.

O “Expressinho” reagiu e se lançou ao ataque em busca do empate, criando várias oportunidades claras de gol, mas Pablo Lanz se redimiu do “frango” e fez uma série de grandes defesas.

E quando o Vasco pressionava, Reinoso complicou a vida do time carioca ao fazer 3 a 1 após aproveitar rebote, aos 28 da etapa final.

O jogo de volta está previsto para o dia 26 de outubro, no Rio de Janeiro, e decide uma vaga nas quartas de final da Sul-Americana, contra o ganhador do confronto entre o peruano Universitario de Deportes e o argentino Godoy Cruz.

Continua após a publicidade
Publicidade