Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Vasco despacha o Cruzeiro com show de Diego Souza

Clube carioca chega aos 49 pontos e confirma a liderança no Brasileirão

Por Da Redação 25 set 2011, 18h08

O Vasco é mais líder do que nunca após emplacar 3 a 0 no Cruzeior em plena Arena do Jacaré, na tarde deste domingo. Diego Souza marcou os três gols do jogo, o último deles um golaço, e levou o Vasco aos 49 pontos na liderança isolada do campeonato Brasileiro. Já o Cruzeiro permanece em situação delicada, com 29 pontos, na décima quinta posição. Na próxima rodada, o Vasco recebe o vice-líder Corinthians, em São Januário, no domingo. No mesmo dia, o Cruzeiro visita o Grêmio no Olímpico.

O primeiro tempo de em Sete Lagoas foi bem disputado e com muitas chances de gol para ambos os lados. O Cruzeiro teve mais posse de bola no início, mas o vasco logo soube equilibrar as ações. O clima era de evidente pressão pscológica sobre os jogadores da Raposa, que apresentava falhas em seu sistema defensivo. Já o Vasco mostrava tranquilidade em campo, e fora alguns problemas de posicionamento, conseguiu construir o resultado.

O primeiro grande lance do jogo foi dos cariocas. Márcio careca puxou o contra-ataque e tocou para Diego Souza. O meia devolveu com um grande passe e colocou careca de frente para o gol. O lateral avançou livre mas chuta fraco e facilita para a defesa de Fábio. No minuto seguinte, Diego Souza recebe cruzamento, mata no peito e manda de bicicleta no travessão, mas o assistente marcou impedimento na jogada.

O Cruzeiro responde aos 18, num escanteio cobrado por Montillo, que Roger, impedido, mandou para as redes. O lance foi anulado. A Raposa quase abriu o placar aos 20 e aos 21, no primeiro, foi Bobô que obrigou Fernando Prass a defender para escanteio. Em seguida, Charles manda uma bomba depois de dar um lençol no meio-campo.

O Vasco voltou a ameaçar aos 30. Juninho cobrou escanteio pela esquerda e Diego Souza chegou para concluir, mas mais uma vez Fábio salva o Cruzeiro.

Aos 35, foi a vez de Roger cabecear livre por cima do gol de Prass e desperdiçar uma ótima chance para os mineiros.

Continua após a publicidade

Aos 39, entretanto, o Vasco chegou lá. A jogada começou com Márcio Careca pela esquerda. O lateral tocou para Felipe Bastos, que enfiou na área para Diego Souza. O meia avançou pela esquerda e chutou cruzado para fazer 1 a 0.

O segundo tempo em Minas foi marcado pelo desespero do Cruzeiro de um lado e o show de Diego Souza do outro. Enquanto a Raposa partia para o ataque em busca do empate, o Vasco, comandado pelo meia, foi ampliando o marcador.

Melhor em campo, os cariocas chegaram ao segundo gol aos 14 minutos. O lateral direito Fagner levanta, a bola cruza toda a extensão da área e Diego Souza toca de canhota para o fundo das redes.

O segundo gol matou o Cruzeiro, que vinha lutando bastante pelo empate. Os jogadores se perderam em campo e foram presas fáceis para o organizado grupo vascaíno.

O terceiro gol quase chegou aos 28, mas Márcio careca mais uma vez desperdiçou um gol feito. A situação ficou pior para o tiem da casa quando, aos 30, o volante marquinhos Paraná parau o ataque cruzmaltino com falta e foi expulso.

Mas a tarde era de Diego Souza, e foi ele quém deu números finais ao placar marcando um golaço, aos 35. O meia entrou na área, se livrou do marcador, deu um chapéu no goleiro e completou de cabeça para o gol.

Continua após a publicidade
Publicidade