Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Varejão fala em conversar com Cavs por participação nas Olimpíadas

Por Da Redação 21 abr 2012, 11h06

O brasileiro Anderson Varejão já reiterou seu desejo de defender a Seleção nos Jogos Olímpicos de Londres, mas a posição do jogador, de acordo com o site oficial da NBA, é reprovada pelo Cleveland Cavaliers. Desta forma, o atleta se dispõe a conversar com os dirigentes sobre o assunto.

‘Senão querem que eu jogue, então vamos precisar conversar e ver por que não’, declarou o brasileiro em informação publicada pelo site oficial da NBA após a vitória do Cleveland, já sem chances de classificação aos playoffs, por 98 a 90 sobre o New York Knicks, na rodada de sexta-feira.

Afastado do time desde que sofreu uma fratura na mão direita no começo de fevereiro, Varejão jogou apenas 25 partidas nesta temporada com média de 10,8 pontos e 11,5 rebotes. O Cleveland teme que a disputa das Olimpíadas atrapalhe o processo de recuperação do brasileiro e prefere que ele abdique do torneio.

Ainda com dores no local da lesão, Varejão foi liberado pelos médicos da franquia do restante do campeonato para poder ficar concentrado no tratamento do problema. Após perder 37 partidas de sua equipe, o brasileiro já vem fazendo alguns treinamentos leves.Em comunicado enviado por sua assessoria de imprensa na última sexta-feira, ele falou sobre o desejo de participar dos Jogos Olímpicos de Londres. O técnico argentino Rubén Magnano divulga os convocados para o torneio no próximo dia 17 de maio, em São Paulo.

‘Este é um ano especial, o Brasil vai disputar as Olimpíadas e quero estar logo livre dessa lesão, estar bem, sem dores, quero estar bem preparado para ajudar a Seleção Brasileira nos Jogos’, disse Varejão, que, em tese, é nome certo para a lista de Magnano.

Continua após a publicidade
Publicidade