Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Varejão comemora convocação: ‘foi a mais especial da minha vida’

Ausente da Seleção Brasileira no momemento em que o time comandado por Rúben Magnano assegurou vaga nos Jogos Olímpicos de Londres, Anderson Varejão celebrou sua presença na lista divulgada pelo técnico argentino nesta quinta-feira, em São Paulo. Convocado para participar da primeira fase de treinamentos visando à competição na capital inglesa, o ala/pivô do Cleveland Cavaliers não conteve a empolgação.

‘Esta foi a convocação mais especial da minha vida. Faço parte da Seleção Brasileira desde 2001, sempre tive muito orgulho de defender o país e, agora, será ainda mais especial. Assistia o Brasil jogando nas Olimpíadas pela TV e estar nos Jogos sempre foi um sonho. Fiquei muito feliz quando soube que meu nome estava na lista, sofri muito acompanhando o Pré-Olímpico, quando estava machucado. Ser torcedor é muito pior do que estar lá dentro’, afirmou.

Em fase de recuperação de uma lesão sofrida na mão direita, em fevereiro, Varejão destacou a importância do torneio em Londres. ‘Já disputei muitas competições pelo Brasil, Campeonato Mundial, Copa América, Pan-Americano e torneios importantes, mas Olimpíada é diferente. É novidade para todos nós, e isso cria uma sensação distinta. Estou muito motivado, todos estão muito motivados e não poderia ser de outro jeito. Agora, faremos a melhor preparação possível, pois acredito muito no grupo e temos condições de ir a Londres não apenas para participar, mas para brigar por uma medalha’, completou.

Além do atleta que atua na NBA, o armador do Flamengo, Marcelinho Machado, ressaltou a chance de disputar uma edição dos Jogos Olímpicos após 15 anos defendendo a Seleção Brasileira. ‘O sonho das Olimpíadas começou para o Brasil no ano passado, em setembro, quando conquistamos a vaga em Mar del Plata. Agora, o sonho está virando realidade para mim. Teremos um bom tempo de preparação, um grupo muito bom, uma equipe que pode e fará uma grande competição na Inglaterra’, disse.

Animado, o experiente jogador, 37 anos, lembrou do carinho que recebeu da torcida brasileira após a classificação na Argentina. ‘Todos pensam em Londres desde o Pré-Olímpico. O torcedor brasileiro está com saudade de ver o basquete masculino nos Jogos Olímpicos e só tive uma noção melhor do tamanho dessa saudade pela maneira como as pessoas comemoraram, como vinham falar comigo na rua depois que voltamos da Argentina. Aquele carinho foi a melhor recompensa que poderíamos ter’, encerrou.

No próximo dia 10 de junho, os 15 atletas convocados por Rúben Magnano se apresentam em São Paulo, onde iniciam preparação e série de amistosos para a disputa em Londres, que ocorre entre 27 de julho e 12 de agosto.