Clique e assine com 88% de desconto

Valdivia e Felipão são suspensos por expulsões em final

Por Da Redação - 17 jul 2012, 21h45

Por AE

Rio – A expulsão no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, contra o Coritiba, custou ao meia Valdivia não apenas a sua ausência no jogo do título, mas também uma suspensão de três jogos, aplicada nesta terça-feira pela Segunda Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Como já cumpriu a automática e a Copa do Brasil já chegou ao fim, ele perderá dois jogos, ambos do Brasileirão.

Os advogados do Palmeiras argumentaram que o árbitro não entendeu que o lance era digno de expulsão. Tanto que deu apenas um cartão amarelo para a cotovelada que o chileno acertou em Willian Farias, do Coritiba. Mas era o segundo dele e o meia acabou expulso. O problema é que, depois do vermelho, Valdivia vociferou contra o árbitro: “Você é um filho da p… e v…”, conforme consta na súmula.

Os auditores, porém, não concordaram com a argumentação da defesa alviverde e aplicaram a punição por três jogos, por conta das duas infrações. Assim, Valdivia não vai reencontrar o Coritiba, nesta quinta-feira, e nem pegar o Náutico, domingo, em dois jogos válidos pelo Brasileirão.

Publicidade

Na mesma sessão do STJD, o técnico Luiz Felipe Scolari também foi julgado e punido. Expulso do banco de reservas da partida final da Copa do Brasil, ele recebeu um jogo de suspensão. Como a competição chegou ao fim, ele terá que cumprir o gancho nesta quinta-feira, novamente contra o Coritiba.

Publicidade