Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Valdivia brilha e Rondonópolis tira Figueira; Coritiba também avança

Por Da Redação 15 jan 2012, 17h44

Wanderson de Oliveira, conhecido como Valdivia por causa de uma suposta semelhança física com o chileno do Palmeiras, foi o grande responsável pela classificação do Rondonópolis-MT às oitavas de final da Copa São Paulo Júnior. Neste domingo, no estádio Antônio Soares de Oliveira, em Guarulhos, o camisa 10 marcou quatro gols na eletrizante vitória de sua equipe sobre o Figueirense, por 6 a 4. Os matogrossenses agora esperam pelo vencedor do duelo entre Botafogo-RJ e Vitória-BA, ainda neste domingo.

O Figueira abriu o placar com Robert, aos nove minutos do primeiro tempo, mas não resistiu à força ofensiva do Rondonópolis. Kaíke, outro destaque do time do Mato Grosso, empatou o jogo aos 14 minutos. Dez minutos depois, Valdivia deu início ao seu show particular e anotou o tento da virada.

O time de Santa Catarina foi buscar o empate com Wilker, aos 34, mas Valdivia marcou mais um gol logo na saída de bola e a equipe matogrossense foi para o intervalo vencendo por 3 a 2.

A exemplo do primeiro tempo, o Figueirense começou pressionando na etapa complementar e empatou o jogo logo aos dois minutos, com mais um gol de Robert. O jogo ganhou em emoção: aos seis, Kaíke recolocou o Rondonópolis em vantagem. Aos 14, Robert, mais uma vez, marcou para o Figueirense: 4 a 4.

Valdivia voltou a aparecer na reta final da partida para definir a classificação de seu time com gols aos 29 e aos 37 minutos. Com o excelente desempenho, ele chegou aos oito tentos no torneio.

Coxa também avança e pega o Inter

Com uma vitória por 4 a 2 sobre o Mirassol, em Louveira, o Coritiba também garantiu vaga nas oitavas de final da Copinha neste domingo. A equipe agora enfrenta o Internacional.

O Mirassol abriu o placar aos três minutos do primeiro tempo, com um gol de cabeça de Jean, mas não soube administrar a vantagem. Aos 22, o Coxa empatou com Alex, que voltou a balançar as redes dez minutos mais tarde. Ainda antes do intervalo, Thiago Primão ampliou a vantagem paranaense para 3 a 1.

A equipe do interior paulista partiu para cima no início do segundo tempo e, aos 15 minutos, conseguiu diminuir com um gol de Patrick. Quatro minutos depois, porém, Gustavo marcou o quarto gol do Coritiba e selou a classificação.

Continua após a publicidade
Publicidade