Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Valdir Joaquim de Moraes deixa comissão técnica do Verdão

Ídolo da história do Palmeiras como jogador, Valdir Joaquim de Moraes pediu afastamento da função de observador técnico. Segundo nota oficial do site do clube de Palestra Itália, o ex-goleiro alegou questões pessoais para deixar o cargo.

Com isso, Valdir Joaquim de Moraes encerra a segunda passagem pela comissão técnica do Palmeiras. Anteriormente, ele havia trabalhado no clube entre 1993 e 1997.

Valdir Joaquim de Moraes completou 80 anos no dia 23 de novembro. Como jogador, ele foi o sucessor de Oberdan Cattani e um dos integrantes da geração conhecida no Verdão como ‘Primeira Academia’.

No gol palmeirense, Valdir Joaquim de Moraes disputou 482 partidas e conquistou títulos de expressão: três vezes campeão brasileiro (1960, 1967 – Taça Brasil – e 1967 – Robertão), três vezes campeão paulista (1959, 1963 e 1966) e uma vez campeão do Torneio Rio-São Paulo (1965).

No futebol, Valdir Joaquim de Moraes é conhecido por introduzir a função de preparador de goleiros. Ele contribuiu com a formação de arqueiros históricos como Leão, Zetti, Velloso, Sérgio e Marcos.