Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Valcke inspeciona três palcos da Copa das Confederações

A apenas 100 dias da abertura, o secretário-geral da Fifa passará por Recife, Belo Horizonte e Rio. Duas das cidades ainda não entregaram seus estádios

Por Da Redação 5 mar 2013, 08h21

Antes de embarcar rumo ao país, o secretário-geral se mostrava otimista com a nova visita: “Confiamos no compromisso manifestado pelos brasileiros”

O secretário-geral da FIFA, Jérôme Valcke, desembarca no Brasil nesta terça-feira para conferir o andamento das obras em três estádios para a Copa das Confederações de 2013. O secretário visitará a Arena Pernambuco, o Minerão e o Maracanã, ao lado do Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, além de Ronaldo e Bebeto, integrantes do Comitê Organizador Local (COL). Esta é a segunda visita de Valcke ao Brasil em 2013, e a primeira após a reinauguração do Mineirão, a segunda escala de sua viagem. No início da tarde desta terça, o francês faz a sua primeira parada na capital pernambucana, onde será recebido por Romero Britto, artista plástico e embaixador da Copa do Mundo, além do governador Eduardo Campos e do prefeito Geraldo Julio.

Em seguida, na quarta-feira, Valcke parte para Belo Horizonte. Acompanhado pelo vice-governador Alberto Pinto Coelho e pelo prefeito Márcio Lacerda, ele deve vistoriar o Mineirão e os projetos de infraestrutura e mobilidade urbana na capital mineira, além de distribuir ingressos simbólicos aos operários que trabalharam nas obras do estádio. A última parada é o Rio de Janeiro, na quinta-feira, onde Valcke fará inspeções no Estádio do Maracanã e concederá uma entrevista coletiva para fazer uma avaliação dos preparativos para a Copa das Confederações. Nessa data, a contagem regressiva para o torneio chegará aos 100 dias.

Leia também:

Prepare o bolso: os elefantes brancos estão à solta no país

Continua após a publicidade

Maracanã tem risco real de não ficar pronto dentro do prazo Em balanço do ano, Valcke enfim se diz satisfeito com país

Na reta final, surge o temor sobre os ‘puxadinhos’ da Copa

Como a Copa vai obrigar o país a enfrentar seus problemas

Arena Pernambuco

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga Veja Esporte no Twitter

Continua após a publicidade
Publicidade