Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Um ano depois, Dedé critica Roth por saída ‘confusa’ do Vasco

No meio do ano passado, o técnico Celso Roth decidiu deixar o Vasco logo no início conturbado de Campeonato Brasileiro para comandar o Inter, que tinha pela frente a semifinal da Copa Libertadores contra o São Paulo. Mais de 15 meses depois e em ótima fase, um membro daquele elenco vascaíno disse ter ficado chateado com aquela situação.

Para o zagueiro Dedé, convocado recentemente pela Seleção Brasileira e eleito um dos melhores defensores do ano passado, a forma como o seu ex-treinador deixou o comando do Gigante da Colina acabou fazendo os atletas ficarem incomodados.

‘Foi o caminho que ele seguiu. Recebeu uma proposta melhor do Inter e foi embora. Foi um cara que me ajudou, só não concordo com a forma que ele saiu. Eu estava de folga, e só vi que ele estava no Inter quando vi na internet. Achei errado não termos recebido nenhuma satisfação’, comentou.

Ao saber das declarações de seu ex-atleta, o atual comandante tricolor, que encara o próprio Cruz-maltino neste domingo, às 18h (de Brasília), no estádio de São Januário, preferiu não polemizar.

‘Quando saí, eu e a diretoria conversamos e chegamos a uma rescisão amigável. Sempre foram muito cordiais comigo. Não temo represálias por parte da torcida’, afirmou.