Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

UFC: Demian Maia encara maior desafio na nova categoria

Paulista estreou nos meio-médios em 2012; no sábado, ele pega Jon Fitch

Por Da Redação - 1 fev 2013, 06h50

Fitch é listado entre os dez melhores da categoria meio-médio. Uma vitória contra o americano colocaria Demian Maia perto da disputa de cinturão

O paulista Demian Maia disputou o cinturão dos médios (até 84 quilos) em 2010, quando perdeu para o compatriota Anderson Silva, no UFC 112, numa luta polêmica. Demian seguiu na categoria, alternando derrotas e vitórias pouco convincentes, até que decidiu descer de peso em 2012. A solução foi lutar entre os meio-médios, até 77 quilos, categoria em que o campeão é o canadense Georges St-Pierre. Depois de duas boas vitórias, Demian Maia enfrenta o americano Jon Fitch (que vem de vitória contra o brasileiro Erick Silva, no terceiro UFC Rio, em outubro de 2012), na noite de sábado, no UFC 156, em Las Vegas. Na mesma noite de lutas, José Aldo defende seu cinturão dos penas contra o americano Frankie Edgar, Antônio Pezão enfrenta o holandês Alistair Overeem e Rogério Minotouro desafia Rashad Evans, num card principal cheio de brasileiros.

Leia também:

Antônio Pezão enfrenta Overeem – já de olho no cinturão

Publicidade

UFC 156: Globo mostra com atraso. E sem Galvão Bueno

Acompanhe VEJA Esportes no Facebook

Siga VEJA Esportes no Twitter

A estreia de Demian Maia entre os meio-médios foi contra o sul-coreano Dong Hyun Kim, no UFC 148, em julho de 2012. O brasileiro precisou de apenas 47 segundos para conseguir sua primeira vitória, por nocaute. Três meses depois, Demian Maia lutou no Brasil. O adversário foi o americano Rick Story e, mais uma vez, o brasileiro venceu no primeiro round. Faixa-preta em jiu-jitsu, ele usou seu principal estilo de luta e finalizou Story com um mata-leão. Apesar do bom jogo no chão, o brasileiro gosta de frisar que está treinando muito a parte de luta em pé e não seria surpresa um nocaute com trocação. Leia também:

UFC faz mistério sobre cidade do próximo evento no Brasil

Publicidade

Belfort desafia Jon Jones, mas UFC quer Anderson Silva

Demian Maia finaliza Rick Story pela categoria peso-meio-médio do UFC, realizada na HSBC Arena, Barra da Tijuca Demian Maia finaliza Rick Story pela categoria peso-meio-médio do UFC, realizada na HSBC Arena, Barra da Tijuca

Demian Maia finaliza Rick Story pela categoria peso-meio-médio do UFC, realizada na HSBC Arena, Barra da Tijuca /

O rival de Demian Maia também gosta da luta de chão: John Fitch é especialista em wrestling. Na luta contra Erick Silva, no terceiro UFC no Rio de Janeiro, o americano encostou o brasileiro contra a grande, escapou de várias finalizações e venceu por pontos. A luta da madrugada deste domingo promete ser um verdadeiro jogo de xadrez, com os dois lutadores se estudando para encaixar a melhor posição e conseguir a vitória por finalização. Fitch é listado entre os dez melhores da categoria meio-médio. Uma vitória contra o americano colocaria Demian Maia perto da disputa de cinturão. Atualmente, a categoria dos meio-médios tem como destaques Carlos Condit (recentemente derrotado por St-Pierre), Rory MacDonald, Johny Hendricks e Jake Ellenberger.

Publicidade