Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

UFC corta Wanderlei e Belfort lutará contra Sonnen

Wanderlei Silva faltou a exames exigidos para a luta e saiu do card do UFC 175

A esperada luta entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen, técnicos (e rivais) do The Ultimate Fighter Brasil 3, não vai acontecer. O UFC anunciou nesta quarta-feira que o brasileiro foi cortado da luta após faltar aos exames médicos e de antidoping que precisava realizar. Para seu lugar, entra Vitor Belfort, que voltará a lutar depois de ser vetado do combate contra Weidman após proibição do uso da terapia de reposição de testosterona (conhecido pela sigla TRT) – técnica utilizada por Belfort – pela Comissão Atlética de Nevada. O combate entre Sonnen e Belfort será realizado no dia 5 de julho, em Las Vegas, no UFC 175.

Leia também:

Dana White não perdoa briga entre Wanderlei e Sonnen

Dana rebate Anderson: “É melhor mostrar mais vontade”

UFC: Maldonado substitui Cigano contra Miocic em SP

Lar do UFC, Las Vegas terá nova arena esportiva em 2016

Wanderlei Silva e Chael Sonnen foram convocados pela Comissão Atlética de Nevada, órgão que regulamenta os esportes de luta no estado americano, para realizarem exames necessários para a prática do esporte em Las Vegas. Sonnen, que também fazia uso do TRT e abriu mão da terapia após sua proibição, realizou os exames e foi liberado. Já Wanderlei não compareceu, foi vetado e substituído. O card de lutas do UFC 175 inclui as disputas do cinturão do peso galo feminino, entre Ronda Rousey e Alexis Davis, e do peso médio, Chris Weidman e Lyoto Machida.