Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

TV vai transmitir parte do julgamento de Oscar Pistorius

Atleta paralímpico é acusado de premeditar a morte da namorada a tiros

O julgamento de Oscar Pistorius, que terá início no dia 3 de março, será parcialmente transmitido pelo canal eNCA, da África do Sul. O atleta paralímpico é acusado de premeditar o assassinato da namorada Reeva Steenkamp, em Pretória, no dia 14 de fevereiro de 2013. Nesta terça-feira, a TV sul-africana obteve autorização para transmitir em tempo real a maior parte do julgamento, com exceção do depoimento de Pistorius e dos relatos das testemunhas. O processo poderá ser acompanhado integralmente por transmissão de rádio.

Leia também:

Um ano depois, Pistorius escreve sobre a morte de Reeva

Fotos mostram cena do crime – e advogado reclama

A transmissão em vídeo da audiência será realizada a partir de três câmeras instaladas em locais estratégicos, com a possibilidade de a juíza Thokozile Masipa desconectar os equipamentos quando julgar conveniente.

Leia também:

Nike evita condenar atleta, mas suspende o contrato

Pistorius, ‘apaixonado’ por Reeva, relembra ‘horror’

Pistorius começa a responder criminalmente pelas acusações a partir de segunda-feira, pouco mais de um ano após cometer o crime e confessá-lo. Na ocasião, Pistorius disse ter disparado quatro tiros na porta do banheiro de sua suíte, onde a namorada estava trancada. Ela foi atingida por dois, na cabeça e no braço.

O atleta alegou ter confundido a namorada com um assaltante. Vizinhos afirmaram terem escutado barulhos e gritos vindos da residência do casal, levantando a hipótese de uma briga doméstica momentos antes do crime. Segundo o canal eNCA, Pistorius teria se levantado da cama sem as próteses quando disparou os tiros que mataram Reeva, o que diminuiria as probabilidades de uma acusação de homicídio premeditado.

(Com Estadão Conteúdo)