Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump e Bolsonaro vão odiar a abertura, diz Meirelles

'A cerimônia terá índios, empoderamento dos negros e das mulheres, transgêneros e um alerta contra os riscos do petróleo', escreveu Fernando Meirelles

Fernando Meirelles, um dos diretores da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de 2016, disse nesta sexta-feira em sua conta de Twitter que os políticos Donald Trump e Jair Bolsonaro vão odiar a festa. “Pelo menos nisso acertamos”, completou o cineasta. “A cerimônia de hoje terá índios, empoderamento dos negros e das mulheres, transgêneros e um alerta contra os riscos do uso de petróleo”, escreveu em outro post.

A cerimônia de abertura começará às 20h, no Estádio Maracanã, e tem duração prevista de três horas. Mais cedo, o ex-jogador Pelé confirmou que não acenderá a pira olímpica na cerimônia. Em comunicado público, ele anunciou que não está em condições físicas de participar da abertura da Olimpíada. “E como brasileiro, peço a Deus que abençoe a todos que participarem desse evento e que seja um grande sucesso e termine em paz!”, diz a nota.

Com a decisão de Pelé, o mistério sobre a cerimônia continua. Outros atletas cotados para conduzir a tocha até a pira olímpica são o ex-tenista Gustavo Kuerten e ex-jogadora de basquete Hortência.

Festa – O Maracanã abre hoje suas portas para um dos momentos mais aguardados dos Jogos Olímpicos. A cerimônia de abertura é o instante em que todos os atletas, desde a grande estrela do atletismo Usain Bolt até o jovem velocista Siueni Filimone, de Tonga, desfilam pelo estádio como iguais. A direção da festa ficou com Meirelles, Andrucha Waddington, Daniela Thomas e Rosa Magalhães. A promessa é de que o roteiro seja uma “síntese da cultura popular brasileira”.

Entre as participações previstas, estão as de Caetano Veloso, Gilberto Gil, Anitta, Paulinho da Viola, Elza Soares, MC Soffia, Jorge Ben Jor, Marcelo D2, Zeca Pagodinho, Paulo Jobim, filho de Tom, a modelo Gisele Bündchen e as atrizes Fernanda Montenegro e Judi Dench.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Fellipe Gonçalves de Souza

    270 milhões gastos em uma turminha com roupinha e uns projetores, não é só bolsonaro que odiaria…

    Curtir

  2. robson alexandre

    esse Fernando Meirelles não passa de um steven spielberg do terçeiro mundo!

    Curtir

  3. VERDE e AMARELO

    ESSE ESQUERDA QUE RECEBE DINHEIRO FÁCIL E IMORAL, TEM QUE LAVAR A BOCA COM AGUA FERVENTE ANTES DE FALAR DE TRUMP E BOLSONARO, HOMENS DIGNOS E PATRIOTAS, QUE CHEGARAM AODE ESTÃO SEM TRAIR E VENDER SUAS PÁTRIAS.

    Curtir