Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Triste pelas despedidas, Henrique elogia time por suportar pressão

O Palmeiras passa por uma reformulação desde que foi eliminado no Campeonato Paulista. Depois da despedida de cinco jogadores, o zagueiro Henrique admitiu ter ficado triste pelas saídas de colegas, mas avisa que o Verdão tem um elenco forte.

‘É algo natural no futebol, mas eram companheiros nossos e claro que não ficamos felizes com isso. Vamos torcer para conseguirem objetivos para onde forem. O pensamento para quem fica é demonstrar nosso futebol. Quem continua no Palmeiras tem muitas condições para conseguir frutos e resultados’, avaliou.

Desde que a diretoria iniciou as mudanças no grupo, Gerley foi para o Bahia, Tinga se transferiu para o Ceará, Chico acertou com o Coritiba, Fernandão entrou em acordo com o Atlético-PR e Pedro Carmona assinou contrato de três anos com o São Caetano. Além deles, Ricardo Bueno ainda será devolvido na segunda-feira ao Atlético-MG.Apesar da reformulação, Henrique elogia a reação exibida pelo elenco depois da eliminação no Estadual, já que a equipe venceu a primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Paraná, na semana passada.

‘Nós vínhamos de uma eliminação no Paulista e já tínhamos outro jogo importante, com pressão. Mas a equipe se portou bem em campo e conseguiu jogar’, ponderou o defensor, que é um dos líderes do grupo.

Mesmo com a liberação de tantos jogadores, o Palmeiras contratou apenas dois reforços: o lateral esquerdo Fernandinho e o meia-atacante Mazinho, emprestados pelo Oeste. O próximo a chegar será o meia Felipe, que tem vínculo com o Verdão e está cedido ao Mogi Mirim.

Porém, a diretoria adverte que não terá condições de acertar a contratação de jogadores mais badalados. Mesmo assim, Henrique acredita que o Verdão tem condições de evoluir no restante da temporada.

‘Com ou sem reforços, vamos nos juntar e trabalhar para conseguir os objetivos. Temos jogadores de muita qualidade aqui e vamos aproveitar para usá-los’, concluiu.