Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tratamento de Liedson, Castán e Paulinho anima médico corintiano

O médico do Corinthians de plantão nesta terça-feira, quando o elenco se reapresentou para os trabalhos, mostrou-se esperançoso quanto à recuperação do atacante Liedson, do zagueiro Leandro Castán e do volante Paulinho. De acordo com Ricardo Galotti, os três seguem em tratamento e podem ser liberados para pegar o Vasco, em São Januário, no domingo que vem.

O caso de maior cuidado é o de Liedson. O atacante foi vetado do jogo contra o Bahia em virtude das dores crônicas que sente no joelho esquerdo. Ele já passou por cirurgia tanto em seu retorno ao Corinthians (em 22 de julho) quanto em sua passagem pelo futebol de Portugal.

‘Vamos ver até quinta-feira como ele evolui. É um dia em que tem mais treino coletivo. Estamos animados, acho que vai dar para participar do jogo (contra o Vasco)’, disse Galotti, nesta manhã. ‘Como ele não teve descanso no final do ano (na transferência do Sporting para o Corinthians), os jogos de quarta-feira e domingo pesam um pouco, e ele precisa de tempo de recuperação um pouco maior do que os demais atletas, mas a gente está confiante em que ele possa jogar’.

Castán também não esteve em campo no domingo por ter acusado dor na panturrilha esquerda, mas evoluiu desde o final de semana . ‘Ele tem uma mialgia (dor muscular), não teve estiramento. Está em tratamento e, assim que essa dor aliviar, ele voltará a treinar’, emendou o médico.

Situação um pouco semelhante vive Paulinho. O volante se apresentou à Seleção Brasileira na segunda-feira e foi cortado ao se constatar edema na panturrilha esquerda – o departamento médico do Corinthians e da equipe nacional já tinham conhecimento do resultado do exame do jogador. Ele não tinha condição de enfrentar a Argentina, mas pode ser liberado para domingo.

‘O Paulinho teve um edema no jogo contra o São Paulo (na quarta-feira passada), estava com dor no local e não vem treinando desde quinta, mas apresentou melhora até agora. Ele está igualmente em tratamento. Temos que ver como ele evolui até o final da semana. Tem chance também de jogar se evoluir clinicamente até quinta ou sexta-feira’, finalizou o médico corintiano.

Quem mais uma vez não deverá estar entre os relacionados para a partida é Ramon. O lateral esquerdo sofreu estiramento na coxa direita e não atua desde o clássico contra o Santos.